Cão resiste ao frio na rua e espera há mais de um ano por tutor que morreu


Um cão da raça husky siberiano, chamado Hachiko, está de luto desde que um acidente de carro trágico levou a vida de seu tutor, por quem ele espera na rua, há mais de um ano, resistindo às temperaturas frias da Sibéria e despertando a curiosidade dos transeuntes que por lá passam.

Em luto, o cão espera há mais de um ano pelo tutor que morreu (Foto: CEN)

“Nós nem conseguimos nos aproximar do animal. Parece que ele só quer se encontrar com seu antigo tutor que, de acordo com o que ouvimos, não sobreviveu a um acidente. Ele não confia em mais ninguém e não permite às pessoas que o toquem. Nós pedimos às pessoas que não o incomodem, porque estamos preocupados que ele corra para a estrada se estiver assustado”, disse a ativista Anastasia Selina.

Alguns ativistas de animais começaram a alimentá-lo e até construíram uma pequena casa para o proteger do frio. O cão esteve em risco quando um caminhão colidiu com o canil e o destruiu, mas, felizmente, a casa foi reconstruída.

O cachorro resiste às baixas temperaturas à espera do tutor que morreu (Foto: CEN)

Felizmente, a devoção e a tristeza desse cão não foram ignoradas. Uma equipe de resgate iniciou uma campanha para resgatá-lo e mantê-lo seguro.

Fonte: Histórias com Valor


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

ACIDENTE

CRUELDADE

TECNOLOGIA

DESUMANIDADE

ACOLHIMENTO

EFICIÊNCIA

VIDAS PERDIDAS

DEDICAÇÃO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>