Centenas de ativistas protestam em frente a loja “Canada Goose” no Reino Unido


Nick Buckland

Centenas de ativistas pelos direitos animais realizaram uma manifestação em frente a loja da “Canada Goose” na zona comercial de Oxford Street, em Londres, na Inglaterra.

A empresa enfrenta atualmente duras críticas no cenário mundial após admitir utilizar peles de coiotes em suas produções.

A ação realizada no Reino Unido teve apoio de organizações internacionais como a PETA, que utilizou suas redes sociais para fazer uma apelo à população britânica “Por favor, pressionem a Canada Goose a parar de vender pele de animais. Deixe a empresa saber que vocês não comprarão nada que isso chegue ao fim”, diz a postagem.

Nick Buckland

Ativistas mostraram durante o protesto que há inúmeras opções alternativas, sintéticas e ecologicamente sustentáveis. Eles asseveram que não há desculpas ou justificativas para abusar de animais para a produção de roubas, bolsas e calçados.

Uma petição criada na plataforma Change.org já registrou 13 mil assinaturas. Ela pede que a empresa extingua completamente o comércio de peles.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

DOÇURA

EXTINÇÃO

SONHO REALIZADO

CARIBE

POLÍTICA AMBIENTAL

SÃO PAULO

AÇÃO HUMANA

TRAGÉDIA

MASSACRE


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>