Marinheiros colombianos agridem gato até matá-lo


Reprodução

Três marinheiros registraram em vídeo um crime cruel contra um gato. Os homem espancaram e assediaram o animal com varas e instigaram cães a feri-lo até à morte.

O maltrato aconteceu na Batalhão de Infantaria da Marinha de Bolívar, na Colômbia.

Em um comunicado, a Marinha colombiana afirma que uma investigação interna já foi iniciada e, que, apesar dos rostos dos oficiais não terem aparecido nas filmagens, o órgão está realizando um esforço intenso para identificação e punição dos responsáveis, que podem ser expulsos na corporação.

As imagens mostram o gatinho deitado tranquilamente em cima de um veículo quando começa a ser assediado pelos homens que o cercam e começam a espancá-lo.

Ele tenta fugir e chora, mas os homens provocam cães para atacá-lo. Ferido e exausto, ele morre sob o riso dos marinheiros.

O Coronel Alfonso Vergara Peña, comandante da Primeira Brigada de Infantaria Marinha, afirmou em nota que a instituição repudia veementemente a atitude dos oficiais e que uma comissão já foi instaurada para a apuração do caso.

Ele reiterou ainda que o crime cometidos pelos homens não representa os valores da Marinha colombiana.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

AMOR

VIDA NOVA

RIO DE JANEIRO

ALTERNATIVA VEGANA

GENEROSIDADE

REABILITAÇÃO

EMPATIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>