Furacão Irma: gatinha é resgatada por soldado no Caribe


Foto: World Animal Protection

Orville Williams, cabo do exército de Antígua, encontrou uma gatinha enquanto estava de plantão com as tropas de Antígua em uma ilha caribenha de Barbuda, depois da passagem do Furacão Irma.

O furacão devastou o local, destruindo casas e forçando a evacuação de moradores, que acabaram deixando muitos animais para trás.

Ao dirigir pela ilha examinando os danos, Williams e seus colegas de profissão ouviram um miado. Quando Williams saiu do caminhão e olhou ao redor, encontrou a gatinha.

Ela foi batizada com o nome “Irma”, e todo cuidado foi feito com ela dentro do alojamento. A gatinha chegou até a dormir com os soldados nos beliches improvisados.

Foto: World Animal Protection

Uma equipe de resgate da WAP (World Animal Protection) chegou em Barbuda para procurar animais que ficaram para trás.

Williams achou que a melhor solução seria entregar a gatinha à eles, para ela ser levada de volta a Antígua. Mas na hora de se despedir, Irma agarrou no soldado Williams, e não se desgrudou mais.

O soldado, igualmente apegado, disse: “Não há lágrimas agora. Irma vai para uma casa melhor”.

A gatinha está salva agora na Antigua e Barbuda Humane Society. Scott Cantin, chefe global de comunicações de desastre para a World Animal Protection (WAP), disse que Irma é muito fofa, curiosa e brincalhona.

E ele completa: “Uma das partes mais satisfatórias sobre trabalhar neste tipo de coisa é o final feliz, porque há tão poucos, e quando eles acontecem, você realmente precisa apreciá-los”.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

DESAMPARO

COVARDIA

APOIO COLETIVO

MISSÃO

SÃO SEBASTIÃO (SP)

DEMANDA CRESCENTE

CRISE CLIMÁTICA

CRUELDADE

ALERTA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>