Gato da Austrália pode receber o título de mais velho do mundo


Foto: Reprodução

Na Austrália, um gato de 26 anos chamado Teddy pode ser o novo gato a ganhar o título de mais velho do mundo. O gato que possuía esse título era Nutmeg, de 32 anos, falecido no final de agosto. A responsável por Teddy já está providenciando a inscrição no Guinness Book para tornar o título oficial.

Teddy foi adotado por Fran English em 2014, que ficou surpresa ao saber que o gato tinha nascido em 1991. O antigo tutor de Teddy não tinha mais condições de cuidá-lo. Apesar da idade, o gato anda todos os dias pelo jardim e brinca ao ar livre. Segundo sua responsável, o segredo de sua vida longa é tomar banho e comer um ramo de alecrim todos os dias.

O gato foi diagnosticado com artrite e por isso precisa tomar medicações diárias para se manter ativo, além de uma dieta balanceada.

Segundo o Guinness Book, o gato mais velho do mundo viveu até os 38 anos. Seu nome era Creme Puff, do Texas, e ele faleceu em agosto de 2005.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

CALIFÓRNIA

ANGÚSTIA

COMPANHIA

VIOLÊNCIA INJUSTIFICADA

ASSASSINATO BRUTAL

EXEMPLO

AGROPECUÁRIA

POVOS ORIGINÁRIOS

FINAL FELIZ


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>