Cachorro morre de asfixia após brincar com bolinha


Os médicos veterinários tentando salvar Maximus (Foto: Hiper FM)

O norte-americano Jamie Stumpf decidiu compartilhar uma história triste que aconteceu com seu cachorro para que os responsáveis e tutores de animais fiquem cientes de que todo cuidado é pouco, principalmente em relação aos brinquedos dados a esses animais.

Foi por causa de uma bolinha de brinquedo que o cão Maximus faleceu. O rottweiler brincava com a bolinha, quando o orifício do brinquedo fez com que ele fosse aspirado na sua língua. Rapidamente, o animal sofreu com um forte inchaço, e antes que pudesse ser socorrido, acabou morrendo por asfixia.

Esse brinquedo é extremamente perigoso, pois o único buraco no meio dele possibilita a criação de vácuo, fazendo com que o animal fique preso a ela. Maximus não foi o primeiro a ser vítima desse brinquedo, tanto é que os veterinários já recomendam que esse tipo de bola não seja dada para os cachorros.

O brinquedo, aparentemente inofensivo (Foto: Hiper FM)

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

RECIFE (PE)

RIO DE JANEIRO

MAUS-TRATOS

EMPREENDEDORISMO

AÇÃO HUMANA

CONSCIENTIZAÇÃO

ABUSO

ÓRFÃO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>