Sem-teto ajuda animais desabrigados após passagem do Harvey


Reprodução / Sasha Von Troetsch

A tempestade tropical Harvey deixou uma onda de destruição em diversas cidades do Sul dos Estados Unidos.

O desastre natural destruiu casas e deixou seres humanos e animais desabrigados, confusos e tristes.

Felizmente, muitos destes animais conseguiram ser resgatados e levados para abrigos onde encontraram segurança e conforto.

Reprodução / Sasha Von Troetsch

Com o objetivo de ajudar cães que foram separados de seus tutores durante a tragédia, Sasha Von Troetsch, tosadora e dona de uma pet shop, reuniu uma equipe de 50 voluntários para disponibilizar cuidados como tosa e banho para 100 cachorrinhos que estavam abrigados em um local improvisado e temporário.

No entanto, no decorrer da ação solidária, Sasha ficou surpresa com uma pessoa que se ofereceu para ajudar os cãezinhos. Era Stanley Baizle, um morador de rua que estava na mesma situação dos animais: desabrigado.

Reprodução / Sasha Von Troetsch

O homem de 59 anos informou que era tosador há mais de 29 anos, mas por muitas voltas da vida se tornou um sem-teto.

Muitos dos animais amparados pelo projeto estavam em situação crítica, com pelos sujos e muito embolados. Stanley ajudou a cuidar de vários cães.

Quando perguntaram ao homem por que mesmo estando em situação de desamparo se ofereceu para cuidar dos animais, ele simplesmente disse “Não fui criado para não ajudar”.

Reprodução / Sasha Von Troetsch

Comovida com a história de Stanley, Sasha criou uma campanha na plataforma “GoFundMe” para captar recursos para ajudá-lo a se reerguer e ter uma vida digna.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

ESTRESSE

RESILIÊNCIA

BRECHAS LEGAIS

DENÚNCIA

ATROCIDADE


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>