Caso Maracanã: mais de 30 gatos são resgatados com vida dos escombros


Bombeiros resgatando os animais dos escombros (Foto: Ana Branco / Agência O Globo)

Uma casa abandonada foi demolida com vários gatos dentro na Rua São Francisco Xavier, região do Maracanã, na manhã de sábado (2) no Rio de Janeiro (RJ). Até agora, 35 gatos foram resgatados com ferimentos leves e encaminhados para ONGs de adoção. Infelizmente um gato foi encontrado morto.

Suzane Rizzo, subsecretaria de Bem Estar Animal (Subem) disse que está providenciando a documentação que irá permitir a entrada de protetores de animais no terreno. Suzane, que é médica veterinária, também relatou que uma equipe de veterinários esteve no local para ajudar no resgate junto com os bombeiros e a Guarda Municipal na tarde de sábado.

Também no sábado, policiais da Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA) foram ao local em conjunto com policiais do comando da Polícia Ambiental, sendo coordenados pelo delegado Roberto Gomes Nunes. O técnico de segurança da empresa de demolição foi encaminhado à delegacia e liberado após prestar depoimento.

Esse caso de demolição gerou revolta entre os moradores, que já haviam se manifestado na sexta-feira contra essa ação de demolição com os mais de 30 gatos dentro. A polícia havia sido chamada, mas acabou não resultando em nada.

Randel Silva, da ONG Pata Amiga resgatou dois gatos (Foto: Ana Branco / Agência O Globo)

Na mesma semana e dessa vez dentro do estádio do Maracanã, mais casos de maus-tratos e crueldade contra gatos foram denunciados. Desde sexta-feira, pelo menos três gatos foram encontrados mortos dentro do complexo esportivo. Em um desses casos, uma fêmea, que estava grávida, foi encontrada sem olhos, língua, diafragma e órgãos. De acordo com o laudo de necropsia feita no Instituto de Medicina Veterinária Jorge Vaitsman, em São Cristóvão, não existe a possibilidade disso ter sido feito por outro animal.

Por causa de notícias como essas, uma campanha nas redes sociais foi criada por voluntários de ONGs defensoras dos direitos animais e por artistas que se sensibilizam com a causa. A hashtag #sosgatosmaracana foi iniciada pela atriz Betty Gofman, e teve adesão de outros atores como Evandro Mesquita, Paula Burlamaqui, Heloísa Périssé, Maria Clara Gueiros, Malu Mader, Fabiana Karla e Patricya Travassos.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

POLÍTICA PÚBLICA

RECOMEÇO

BANALIZAÇÃO

CAZAQUISTÃO

DESMATAMENTO

BARBÁRIE


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>