CONTEÚDO ANDA

Falcão-peregrino atingido por estilingue é resgatado em Maringá (PR)

Um falcão-peregrino, atingido por estilingue, foi resgatado em Maringá, no Paraná. O animal foi encontrado com ferimentos na asa e no pé.

520

12/08/2017 às 21:30
Por Redação

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Um falcão-peregrino, conhecido por ser uma das aves mais rápidas do mundo, foi encontrado com ferimentos por um morador de Maringá, no Paraná. Resgatado nesta quarta-feira, 9, ele foi levado até a diretoria de Proteção e Bem-Estar Animal, da Secretaria de Meio Ambiente, onde recebeu tratamento veterinário. A ave foi batizada de Hórus, em referência ao deus dos céus da mitologia egípcia.

De acordo com a diretoria, o falcão aparenta ter sido atingido por uma pedra atirada com um estilingue. A médica veterinária Evandra Maria Voltarelli Pachaly, responsável pelos cuidados médicos de Hórus, explicou que ele tem ferimentos na asa direita e no pé esquerdo, o que impede que ele se alimente sozinho e voe.

Falcão-peregrino foi encontrado com ferimentos na asa e no pé (Foto: RPC/Reprodução)

“Quando [o falcão] chegou, não estava se alimentando, muito desidratado e apático. Agora ele está mais alerta e ativo. Eu achava que fosse morrer mesmo, mas começou a comer ontem [quinta-feira] e estamos muito felizes”, contou a veterinária em entrevista ao G1.

Evandra afirmou que a ave será submetida a exames na próxima semana. Está prevista a realização de uma radiografia para descobrir se ocorreram fraturas e se haverá necessidade de imobilizar o falcão.

“Não dá para dizer o período de recuperação. Estimo que ele deve ficar aqui pelo menos mais 30 ou 40 dias”, contou. O temor da veterinária é de que o falcão perca a capacidade de voar.

O falcão é uma ave migratória da América do Norte, que procura o Sul em função do clima favorável.

A diretoria de Bem-Estar Animal de Maringá realiza castrações, resgate de animais de rua feridos ou doentes, além de atender denúncias de maus-tratos pelo telefone 156, de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

A prática de abuso, maus-tratos, de ferir ou mutilar animais silvestres, domesticados, nativos ou exóticos é crime previsto em Lei (9.605/98), com pena de multa e detenção.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.