Mais de 100 mil animais são torturados em experimentos em universidade


Em 2016, 24.990 animais foram comprados pela universidade para serem explorados em experimentos por um custo de € 310 mil, sendo que outros € 10 mil foram gastos na eliminação dos cadáveres.

Rato explorado em pesquisa de universidade
Foto: Reprodução, Mirror

A presidente da Sociedade Anti-Vivisecção Irlandesa, Yvonne Smalley, apelou por uma regulamentação mais rigorosa das terríveis práticas.

“A IAVS está extremamente decepcionada com o número de animais adquiridos pela TCD para experimentos dolorosos em animais que quase quadruplicaram para 24,990 em 2016. Esta é uma evidência perturbadora, esta instituição possui uma abordagem agressiva ao infligir sofrimento aos animais”, disse.

“O TCD é supostamente o principal centro acadêmico da Irlanda, mas seu comportamento em relação aos animais está aprisionado nas idades das trevas”, completou.

De acordo com o Mirror, camundongos, ratos, porcos e coelhos têm sido abusados em pesquisas biomédicas na Trinity desde 2012.

Os documentos divulgados segundo os termos da Lei de Liberdade à Informação revelam que 109.531 animais vivos foram adquiridos pela TCD entre 2012 e 2016 para uso nessas pesquisas.

Em uma declaração que mostra a completa ignorância e falta de compaixão da instituição, um porta-voz da Trinity alegou que o uso de animais “está de acordo com a prática de todas as universidades irlandesas e das universidades líderes em todo o mundo”.

Os animais foram explorados pela instituição em estudos de condições humanas, como Alzheimer, artrite, esclerose múltipla e doença inflamatória intestinal.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

DESMATAMENTO

BARBÁRIE

PRESSÃO INTERNACIONAL

INVOLUÇÃO

UNIÃO

PREVENÇÃO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>