Estuprador diz que ato sexual com animal foi encenação em Vale do Sol (RS)


Égua foi abusada por estuprador
Polícia procura responsável por animal

Nas gravações homem aparece supostamente praticando zoofilia – que é a prática de relações sexuais com animais -, com uma égua. Amigos gravaram as cenas e aparecem rindo enquanto fazem o vídeo. A postagem de Bruna foi apagada pelo Facebook ainda na noite de ontem, por volta das 23h. As cenas já tinham mais de 35 mil visualizações, mais de mil curtidas e 500 compartilhamentos.

Indignada com a situação, Bruna foi até Vale do Sol registrar um boletim de ocorrência. “Eu morei um tempo em Vale do Sol e tenho parentes lá. Como não há uma ONG de proteção aos animais, a comunidade acaba entrando em contato comigo, como ocorreu neste caso”, fala.

Ela comenta que o homem que aparece nas cenas abusando do animal é conhecido na cidade, inclusive pela vereadora. “É um vídeo que está circulando pelos celulares e a maioria das pessoas acha graça. Precisamos acabar com essa ideia de que no interior é comum ter relações sexuais com animais, isso é abuso, maus-tratos, coisa de gente doente”, ressalta.

Égua foi abusada por estuprador
Bruna divulgou o vídeo no Facebook. Postagem foi bloqueada (Foto: Reprodução/Facebook)

Nas imagens não é possível verificar, de fato, se o homem praticou o abuso ou simulou. “Sei que ele comprou esta égua e não é a primeira vez que abusa do animal, tanto que a comunidade toda sabe disso. Quem faz isso com um animal, pode muito bem abusar uma criança ou um idoso”, comenta.

A vereadora quer que o animal seja retirado da guarda do homem e encaminhado para um local seguro, onde não sofra mais abusos, mesmo antes que o processo comece a correr na justiça. Ela vai ter a ajuda da ONG Cavalo de Lata, de Santa Cruz, para abrigar a égua.

Acusado já foi intimado e prestou depoimento

O acusado pelo suposto ato sexual e maus-tratos contra a égua foi intimado e ouvido na Delegacia de Polícia de Vale do Sol. O escrivão Fernando Bittencourt explica que o rapaz, que já tem antecedentes criminais, negou o crime. Em depoimento ele afirmou que o suposto ato sexual foi uma encenação. O acusado disse que estava em companhia de outras quatro pessoas e que o animal seria de um dos rapazes. No entanto, disse não lembrar o nome do tutor e o endereço. A DP fez duas diligências no intuito de encontrar o animal, mas não localizou as pessoas em casa para proceder um exame inicial.

A expectativa é que sejam identificadas, intimadas e ouvidas as pessoas que aparecem no vídeo. Com isso, a polícia quer identificar o responsável pela égua e, com o apoio de um veterinário da Prefeitura local, fazer um exame superficial na égua para, pelo menos, constatar se, de fato, houve algum tipo de maus-tratos. Em caso de confirmação de crime, a ideia é recolher o animal com autorização do tutor ou sob via judicial. Se isso ocorrer, a ONG Cavalo de Lata, de Santa Cruz do Sul, é parceira para ser fiel depositária e cuidar do equino.

Lei

Como ainda não existe uma legislação específica para o crime, Bruna explica que zoofilia pode ser enquadrada como maus-tratos, presente na lei federal 9605, no artigo 32, com pena de três meses a um ano de detenção.

Art. 32. Praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos:

Pena – detenção, de três meses a um ano, e multa.
Já tramita na Câmara dos Deputados, desde 2010, proposta que prevê pena de detenção, de um a três anos, e multa a quem comete ato de zoofilia ou bestialidade (prática de atos libidinosos contra animais).

Fonte: Portal Arauto


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

TRATAMENTO

PROTEÇÃO ANIMAL

CRUELDADE

GRATIDÃO

ESPECIAL

ALEGRIA

VÍTIMAS DA CAÇA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>