Porca doente ganha segunda chance depois de ser salva de criadouro


Devido a seus problemas de saúde, a família achou que cuidar dela era incômodo demais e a levou para um abrigo local, pedindo que a equipe induzisse sua morte.

Porca é acariciada
Foto: Blind Spot Animal Sanctuary

Fern foi deixada no Wake County Animal Shelter, na Carolina do Norte (EUA), com nada além de seu ursinho de pelúcia para lhe fazer companhia. A família nem sequer informou ao abrigo qual era o nome dela. A porca doente estava absolutamente aterrorizada e, depois de examiná-la e conhecê-la, o abrigo decidiu que não iria encerrar sua vida.

Ela pode ter ficado doente, mas todos sabiam que essa doce porca merecia uma chance.

Como cuidar de Fern era um pouco complicado, o abrigo contatou o The Blind Spot Animal Sanctuary em busca de ajuda e, em apenas algumas horas, Fern e seu ursinho estavam em segurança.

“Ela era tão doce e social, mas, absolutamente petrificada entre os cães latindo. O abrigo decidiu obter ajuda o mais rápido possível e nos procurou. Eu não poderia dizer não”, disse Alesja Daehnrich, cofundadora do The Blind Spot Animal Sanctuary, ao The Dodo.

A porca foi imediatamente levada a um veterinário. Depois de examiná-la, eles chegaram a uma conclusão surpreendente: Fern não era um filhote como a família tinha pensado, mas tinha pelo menos de um ano a um ano e meio de idade, apesar de ter o tamanho de um leitão com apenas 15 quilos. Infelizmente, a pequena estatura não era acidental.

Porca dormindo
Foto: Blind Spot Animal Sanctuary

“Este é o resultado de criadores sem escrúpulos criando esses porcos  ‘micro / xícara de chá”, deixando-os doentes e famintos para manter os porcos tão pequenos quanto possível e vendê-los como uma linha especial de porcos, só que eles nunca são saudáveis”, explicou Daehnrich.

Infelizmente, o diagnóstico médico exato de Fern ainda não está claro. Seus problemas podem ter sido causados pela endogamia, danos causados por sua convulsão ou o resultado de não receber uma dieta adequada.

Os veterinários lhe deram alguns medicamentos que esperam  que irá ajudá-la e também agendaram uma ressonância magnética para descobrir algo sobre seus problemas de saúde.

Enquanto isso, Fern está se adaptando à vida no santuário. Devido a sua condição, a equipe tem criado um espaço especial para ela, com ar-condicionado e tapetes especiais para ajudá-la a se movimentar com mais facilidade. Sua antiga família talvez não tenha se importado o suficiente com ela, mas a nova família de Fern está assegurando que ela fique confortável e feliz.

Porca dormindo ao lado de ursinha de pelúcia
Foto: Blind Spot Animal Sanctuary

Apesar de seus problemas de equilíbrio, Fern é incrivelmente social e adora cumprimentar e trocar carinhos cada nova pessoa que conhece. Ela ama explorar ambientes externos e comer muitos petiscos, mas sua coisa favorita no mundo ainda é seu ursinho de pelúcia, que ficou com ela a cada momento de sua jornada, desde a sua antiga casa, até o abrigo e até o santuário, onde começou sua nova vida.

“Fern ama seu ursinho. Ela dorme com ele todas as noites provavelmente porque esse era o seu único cheiro familiar quando passava a noite no abrigo”, disse Daehnrich.

O ursinho de Fern também lhe trouxe conforto mesmo em momentos em que parecia não haver esperança. Ela e seu ursinho estão finalmente seguros agora e nunca mais serão indesejados ou ficarão sem amor.

“Ela passou por tanto e seus humanos e o criador falharam com ela miseravelmente. Esperamos poder ajudar essa doce garota”, concluiu Daehnrich.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

ABRAÇO ANIMAL

DENÚNCIA

JAPÃO

PRESERVAÇÃO

DESESPERO

CONSOLO

CALIFÓRNIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>