Tesla Motor deixa de comercializar assentos de couro e oferece opções veganas


Embora a decisão não seja explicitada na página da empresa, qualquer menção ao couro foi retirada e todos os interiores disponíveis para os veículos foram atualizados e agora receberam a designação “premium” da Tesla, aplicada no lançamento de assentos livres de crueldade e feitos com um novo material sintético.

Assento oferecido pela companhia
Foto: Reprodução, Electrek

A empresa também ofereceu a opção de um volante sem couro, mediante pedidos de clientes, para as pessoas que não querem financiar a crueldade animal, conforme divulgado pelo Electrek.

A Tesla declara que sua missão é “acelerar a transição do mundo para a energia sustentável”. Enquanto muitos são atraídos pela companhia devido à performance dos veículos ou por outros motivos, os carros elétricos oferecem aos consumidores uma opção mais ecológica e favorável ao meio ambiente.

Naturalmente, isso significa que muitos clientes procuram um interior que não dependa da morte de animais. Além disso, como há uma relação significativa entre vegetarianos / veganos e compradores de carros elétricos, isso parece ser um movimento natural da Tesla.

Os interiores veganos têm recebido boas avaliações dos proprietários e parecem bastante duráveis e confortáveis.

Havia uma preocupação sobre se o interior vegano estaria disponível no Modelo 3, pois a Tesla originalmente ofereceu os assentos veganos como uma opção “premium” que poderia estar limitada aos modelos S e X. Porém, a companhia informou que as opções estarão disponíveis no Modelo 3.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

TRAGÉDIA

COVARDIA

CATIVO EM ZOO

CRIME AMBIENTAL

RESPONSABILIZAÇÃO

ABERRAÇÃO LEGISLATIVA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>