Novo guia de alimentação do Canadá exclui laticínios e enfatiza alimentos vegetais


Além disso, a categoria de laticínios está ausente do documento. Nas recomendações, os vegetais foram colocados em uma categoria acima dos alimentos de origem animal.

Leguminosas ganham destaque no guia canadense
Foto: Reprodução, Huffington Post

O guia preliminar ressalta a importância dos alimentos integrais e especifica que os alimentos vegetais (como as leguminosas) são a melhor fonte de proteína. A recomendação é de uma “ingestão regular de vegetais, frutas, grãos integrais e alimentos ricos em proteínas, especialmente fontes de proteína baseadas em vegetais”.

As orientações também incentivam que as pessoas deixem de consumir produtos animais, gorduras insaturadas em vez de gorduras saturadas (a gordura saturada é encontrada quase que exclusivamente em alimentos para animais).

A retirada dos laticínios é uma grande vitória para os animais, o meio ambiente e a saúde pública. Este é um passo importante para as vacas cujos bebês são sequestrados para seus leites sejam consumidos por humanos. Ao invés disso, o documento estimula as pessoas a beber água, segundo o Huffington Post.

O Canadá reconheceu também que nosso sistema alimentar está intrinsecamente ligado ao meio ambiente, contribuindo para emissões de gases de efeito estufa, a degradação do solo, a queda da qualidade e disponibilidade da água e a morte de animais silvestres.

O guia afirma que “as dietas com mais alimentos à base de vegetais e menos em alimentos à base de animais estão associadas a um menor impacto ambiental”.

O documento baseia-se em uma revisão abrangente de evidências de saúde. Os relatórios encomendados pela indústria foram excluídos da consideração.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

SUSTENTABILIDADE

NEGLIGÊNCIA

SOFRIMENTO

PORTO ALEGRE (RS)

INSENSIBILIDADE

GOIÂNIA (GO)

MÉXICO

ACIDENTE

AMOR


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>