CONTEÚDO ANDA

Homem é flagrado transportando cão em motocicleta em Tocantins

Uma atitude irresponsável: um homem foi flagrado em uma região entre Araguaína e Babaçulândia, em Tocantins, transportando de forma inadequada um cão em uma motocicleta. No vídeo, o animal está...

247

19/05/2017 às 08:30
Por Janaína Fernandes, ANDA

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Uma atitude irresponsável: um homem foi flagrado em uma região entre Araguaína e Babaçulândia, em Tocantins, transportando de forma inadequada um cão em uma motocicleta. No vídeo, o animal está sendo segurando pelos braços do homem.

O transporte de animais em motocicletas é permitido uma vez que o responsável leve o animal em um compartimento adequado, de modo que não coloque a vida e nem a saúde do animal em risco.

No entanto, nesse caso, segundo o Código de Trânsito Brasileiro, o motociclista descumpriu a lei porque além de transportar o animal sem um compartimento próprio, também estava pilotando sem segurar o guidom, o que é considerado uma  infração média.

Homem levando cão nos braços enquanto dirige motocicleta

Homem é flagrado levando cachorro em motocicleta (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)

Seja no banco da frente, no banco traseiro do carro ou em uma motocicleta, é necessário que as regras estabelecidas pelo Código de Trânsito Brasileiro (CTB) sobre o transporte de animais domésticos sejam respeitadas. Os motoristas que ignoram estas normas estão sujeitos às penalidades previstas na legislação.

No caso de passeios em carros, deixar os animais soltos pode trazer grande risco a eles. Em caso de freadas bruscas, ou mesmo em caso de colisão, o animal será jogado de um lado para o outro dentro do veículo, podendo inclusive ser arremessado para fora. No que se refere ao transporte em motocicletas, as chances do animal sobreviver em algum dos casos é mínima.

De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro: “A condução de pessoas, animais ou cargas é proibida nas partes externas dos veículos, as quais, todavia, não se confundem com a área destinada justamente ao transporte de carga (caçamba de uma caminhonete, por exemplo), onde é possível transportar objetos ou animais (considerados, pela legislação de trânsito, como carga viva); ou seja, o artigo 235 aplica-se ao ambiente completamente externo do veículo, sem qualquer proteção adicional, como sobre o teto ou o capô; no caso da caçamba da caminhonete, somente se proíbe o transporte de passageiros (que configura infração de trânsito específica, do artigo 230, inciso II)”.

 

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.