CONTEÚDO ANDA

Cachorra recebe tratamento e volta a sorrir depois de ser atacada com ácido

Uma cachorra brutalmente atacada com ácido e deixada para morrer teve uma incrível recuperação depois de ficar seis meses em uma organização de resgate de animais que temia que ela...

202

19/05/2017 às 07:30
Por Redação

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Uma cachorra brutalmente atacada com ácido e deixada para morrer teve uma incrível recuperação depois de ficar seis meses em uma organização de resgate de animais que temia que ela não sobrevivesse.

Cachorra Honey

Foto: Animal Aid Unlimited, Facebook

Honey foi encontrada atrás de uma motocicleta e lambendo sua ferida terrível pela Animal Aid Unlimited em Rajasthan, na Índia, cercada por um grande grupo de pessoas que observavam a cena.

As queimaduras químicas de terceiro grau atingiram um pedaço enorme da pele das suas costas até o músculo e a equipe não tinha certeza se a pele poderia ser restaurada.

“Nunca saberemos como alguém poderia ser tão ruim. Porém, sabíamos que, depois deste dia, ela nunca seria ferida novamente. Com quase metade da pele queimada, ignorávamos como ela poderia ficar curada, mas estávamos determinados a salvá-la”, disse um porta-voz da organização.

Honey no segundo dia de tratamento

Foto: Animal Aid Unlimited, Facebook

Um vídeo que documenta a triste história de Honey, e que teve quase 300 mil visualizações no Facebook, mostra o resgate e a recuperação da cachorra no santuário e centro de tratamento da Animal Aid Unlimited em Udaipur, Rajasthan.

Quando ela chegou ao centro há seis meses, teve que ser sedada enquanto a equipe limpava os ferimentos graves e lavava todos os vestígios do ácido.

Diariamente, cobriam-na com unguento e envolviam seu tronco em um papel-filme e depois faziam um curativo para proteger a enorme queimadura e ajudá-la a se curar.

Honey recebendo curativo

Foto: Animal Aid Unlimited, Facebook

Ao longo do tratamento, ela permaneceu tranquila, imóvel e paciente, felizmente deixando os ativistas a auxiliarem.

“Não podemos imaginar alguém sendo tão cruel com uma menina tão amorosa e doce “, disse o porta-voz do grupo.
O vídeo mostra então Honey um mês depois do resgate – quando a ferida era vermelha e alguma pele tinha começado a se restaurar.

Seis meses depois, a pele tinha se restabelecido e seus pelos cresceram novamente, segundo o Daily Mail.

O porta-voz disse: “Após este ataque cruel quase a matar, foram necessários seis meses para a ferida para curar. Não sabíamos se seu espírito poderia se recuperar. Foi assim que o grande poder do amor entrou em cena”.

Ela é um dos milhares de animais resgatados das ruas da Índia todos os anos

Foto: Animal Aid Unlimited, Facebook

Honey agora pode ser vista andando alegremente no santuário, que é o lar de centenas de cães resgatados das ruas.
Imagens a mostram pulando nos braços de seus cuidadores e também ao lado de seus amigos de quatro patas.

“Receamos que essa crueldade pudesse ter ferido sua alma permanentemente. Porém, veja como Honey respondeu ao amor”, acrescentou o porta-voz.

Honey com um de seus amigos caninos

Foto: Animal Aid Unlimited, Facebook

A Animal Aid Unlimited – criada por Erika, Jim e Claire Abrams-Myers há 15 anos, depois que a família se mudou de Seattle (EUA) para a Índia – resgata milhares de animais abandonados indianos anualmente.

Cerca de 50 cães, 30 vacas, 25 jumentos e cinco porcos vivem no santuário que também cuida de aproximadamente 200 animais que recebem tratamento para ferimentos e doenças.

A organização também conduz programas educacionais para evitar o sofrimento dos animais.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.