Gatinho arremessado em protesto ganha nova família


Foi adotado nesta segunda-feira (29), o gatinho que foi arremessado durante o protesto na Esplanada dos Ministérios em Brasília, Distrito Federal, na última quarta-feira (24).

Gatinho no colo da nova tutora
Gatinho sobrevivente de agressão em protesto conseguiu um lar (Foto: Giovanna Bembom / Metrópoles)

O felino terá que repousar durante quatro meses para poder realizar o procedimento cirúrgico de amputação da pata dianteira direita.

Os novos tutores são a empresária Gladys Elisa Jager Atkinson e seu filho Derek Warren Atkinson. Ambos foram buscar o gatinho na clínica veterinária acompanhados da jornalista Sabrina Mancio, que foi quem levou o animal para receber atendimento após a agressão. Os novos tutores batizaram o felino de Hope, que significa esperança em inglês.

Gatinho posa com novos tutores, médica veterinária e jornalista que o salvou
Nova família foi buscar o gatinho na clínica acompanhados da jornalista que o levou para ser tratado (Foto: Giovanna Bembom / Metrópoles)

Segunda a veterinária Júlia Beutel, que atendeu o animal, a amputação só poderá ser feita nos próximos quatro meses, quando a saúde do gatinho estiver melhor e com organismo mais maduro para receber a anestesia geral. Em outras condições, o animal poderia não se recuperar da cirurgia.

O portal Metrópoles entrevistou a família adotiva. A empresária Gladys afirma que os brasileiros estão descrentes e precisam de esperança, or isso a ideia de batizar o jovem sobrevivente com o nome Hope. “Ele [o nome Hope] é também uma maneira que buscamos de quebrar preconceitos, seja com animais ou com seres humanos, queremos acabar com qualquer tipo de preconceito”, afirmou Gladys.

Nova tutora abraça gatinho
Tutora batizou o gatinho com o nome Hope, esperança em inglês (Foto: Giovanna Bembom / Metrópoles)

Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

APELO

LUTO

FLORIANÓPOLIS (SC)

SÃO PAULO

INOVAÇÃO

AMOR

ESTUDO

ÁFRICA DO SUL

CÂNCER DE PELE

CONSERVAÇÃO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>