Arnold Schwarzenegger alerta sobre a crueldade do comércio de marfim


Arnold Schwarzenegger ao lado de elefante Amarula, na África do Sul
Foto: Arnold Schwarzenegger/Facebook

Arnold Schwarzenegger, certamente um dos mais reconhecidos atores e fisiculturistas de todos os tempos, mais uma vez usou sua plataforma em benefício dos animais. O ator está na África do Sul para o Arnold Sports Festival, um evento esportivo anual sobre fisiculturismo.

Rodeado pela fauna local, Schwarzenegger postou em sua página no Facebook uma foto de si mesmo com Amarula – um belo elefante de 48 anos que teve a oportunidade de conhecer durante sua estadia no país.

O ator ficou muito impressionado com o maravilhoso e doce animal, mas não deixou de compartilhar uma mensagem importante juntamente com a imagem e falou de sua experiência de conhecer Amarula.

“Garanto que se você olhasse nos olhos deles perguntaria: ‘Quem diabos mataria essa linda criatura por marfim?”, escreveu Schwarzenegger sobre a situação crítica dos elefantes.

Todos os dias, 100 elefantes são caçados por seu marfim. O ritmo da caça furtiva excede a taxa de crescimento das populações dos animais, o que é um prognóstico terrível para o futuro da espécie.

Os elefantes estão à beira da extinção e estima-se que, até 2020, não existirão mais elefantes africanos na natureza se não forem adotadas medidas sérias contra o comércio de suas presas, conforme informa o One Green Planet.

Itens feitos com marfim, estatuetas e joias podem ser considerados belos por alguns – mas escondem uma realidade brutal por trás de sua produção: centenas de milhares de mortes e o terrível sofrimento de animais inocentes. As únicas criaturas que têm o direito ao marfim dos elefantes são eles mesmos.

Esta não é a primeira vez em que Schwarzenegger fala sobre direitos animais, o meio ambiente e o que podemos fazer para ajudar o planeta. Em 2016, ele anunciou que iria eliminar a carne de sua alimentação.

É fantástico ver alguém como Schwarzenegger endossar o abandono de alimentos de origem animal e desconstruir mitos sobre a necessidade da carne. Isso é mais impactante pois as pessoas não costumam pensar que é possível ter um físico de fisiculturista quando ouvem sobre veganismo


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

FINAL FELIZ

DOR E SOFRIMENTO

DESUMANIDADE

AGRESSÃO BRUTAL

INDÚSTRIA CRUEL

ECONOMIA

AMEAÇA DE EXTINÇÃO

ACIDENTE


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>