Dono de hotel para animais mata cadela a tiros em Camboriú (SC)


Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Vizinhos da região ouviram disparos

O empresário Marcos Resende, proprietário de um hotel para animais é acusado de ter matado a tiros uma cadela que estava hospedada no local. O caso ocorreu na rua Tererê, Bairro Rio do Meio de Camboriú, em Santa Catarina.

O filho da tutora do animal e outras testemunhas estavam em frente à casa quando ouviram o som de um tiro. Logo em seguida ouviram os gemidos de um cão que foi silenciado por outro tiro. Na sequencia, teriam visto o empresário jogando o corpo do animal no mato.

Os vizinhos do empresário o questionaram para saber o motivo que o fez matar a cadela Belinha. Segundo o homem, a cadela estava atacando suas galinhas. A vizinhança ficou preocupada em saber que os disparos partiram de uma pessoa que se dispõe a cuidar de animais alheios.

Policiais Militares foram acionados e chegaram depois de meia hora para interrogar o empresário que não confessou o crime e se defendeu dizendo que ouviu os tiros e, ao verificar, encontrou a cadela sangrando em seu terreno, motivo pelo qual a colocou no mato, pois estava morta. Um boletim de ocorrência foi feito pela polícia e nenhuma arma foi encontrada.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

SOB INVESTIGAÇÃO

AGRESSÃO BRUTAL

INSTINTO

VIDA NA RUA

RESPEITO E AFETO

FINAL FELIZ

TRISTEZA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>