Serial killer está atacando ornitorrincos na Austrália


Janaína Fernandes | Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Foram encontrados três animais decapitados | Foto: fergregory)/iStock

Três ornitorrincos foram encontrados decapitados no Jardim Botânico de Albury, na Austrália. Autoridades da região alertaram que muito provavelmente, o crime foi cometido por humanos e não por animais.

As análises feitas nos corpos dos animais que vêm sendo encontrados desde o último mês de março demonstram que os cortes foram feitos por objetos pontiagudos e não por presas de predadores naturais. “Nós e os veterinários acreditamos que não foi uma raposa que pegou os três animais. Adoraríamos estar errados. Adoraríamos acreditar que um ser humano não faria uma coisa desta. Mas acho que não estamos errados”, disse ao jornal The Guardian, Hazel Cook, porta-voz do órgão público responsável pela proteção à vida selvagem.

De acordo com as autoridades, as investigações mostram que o possível criminoso capturou os ornitorrincos, os matou e os levou para o Parque. Até porque os animais não moram no Jardim Botânico. Outro detalhe que intriga as autoridade é como o criminoso capturou os animais que têm como característica serem reclusos.

Animal símbolo do Estado de Nova Gales do Sul, cidade onde está localizado o Parque onde os animais foram decapitados, o ornitorrinco é também protegido por Lei.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

VIDAS PERDIDAS

DEDICAÇÃO

SOFRIMENTO EMOCIONAL

DOÇURA

AÇÃO HUMANA

JAPÃO

FINAL FELIZ

POLUIÇÃO SONORA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>