Campanha publicitária promove veganismo em terminais de ferry


Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Foto: Reprodução, Global News

Cartazes publicitários colocados recentemente em terminais de ferry de Halifax e Dartmouth, no Canadá, problematizam o fato de alguns animais serem frequentemente consumidos enquanto outros são considerados como animais domésticos.

“As pessoas ficam indignadas quando alguém machuca um cão ou um gato – mas quando se trata de um porco ou uma galinha ou uma vaca, não pensamos nisso e não falamos sobre isso”, disse Tamara Cox, presidente do Vegan Education Group, que financiou a campanha.

Segundo ela, os cartazes estão l em todos os três terminais de Halifax Transit. “Por que amar um … mas comer o outro?”, questiona um cartaz ao lado da saída dos passageiros, dentro do Halifax Ferry Terminal.

Abaixo do texto, há retratos de um cachorro e de um porco. A parte inferior do cartaz inclui o texto que indica que os porcos criados para a carne no Canadá vivem e morrem em terríveis condições, segundo informações da Global News.

Uma imagem mostra o que parece ser alguém tentando remover um dente de porco com um alicate.
“Mesmo nas melhores condições da fazenda mais amigável, porcos criados para a alimentação serão mortos e privados de uma vida natural”, diz a campanha.

A iniciativa, financiada por meio de crowdfunding, foi desenvolvida pela iVegan, um grupo que promove o veganismo. Cox, que vive em Beaver Bank, contou que viu a mesma campanha em outras cidades e sentiu-se inspirada para levá-la para Halifax.

“Acho que é só você querer fazer isso sozinho – como mudar sua maneira de se alimentar e coisas assim – vem de dentro “, disse o usuário local de ferry Lance Sampson.

Cox disse que as mensagens permanecerão expostas por quatro meses e um conteúdo similar será colocado em um outdoor perto da estrada de Bedford, no dia 1 de maio.

“Queremos iniciar um diálogo, que as pessoas façam perguntas, que elas aprendam como os animais são tratados e que considerem escolhas mais compassivas”, disse ela.

“Como uma vegana, acho que [o cartaz é] bom. Em geral é uma boa mensagem e isso só faz as pessoas refletirem”, afirmou Andrea Kuntz, outra usuária de ferry.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

MÉXICO

CRUELDADE

AMOR

EMPATIA

AMOR

CRUELDADE

CHINA

FINAL FELIZ

POLUIÇÃO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>