Filhotes de cachorro são enterrados vivos em chácara em Mirandópolis (SP)


Por Renata Leite | Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Após resgate filhotes passam bem. Foto: Reprodução / G1 / Vídeo ONG Pelotão Animal

Um caso de maldade e violência humana foi registrado em um sítio em Mirandópolis, interior de São Paulo. Na última terça-feira (11) a ONG Pelotão Animal recebeu a denúncia anônima informando que quatro filhotes de cachorro foram enterrados vivos na propriedade.

O grupo de proteção animal se dirigiu até o local e encontrou os filhotes vivos, jogados em um buraco cavado no terreno do próprio tutor que confessou o ato. O autor da ação também mostrou para os integrantes da ONG o lugar onde estavam os filhotes. Ainda com vida, os animais foram levados ao veterinário e passam bem. Outros dois cães foram resgatados na propriedade e estão disponíveis para adoção

A Lei Federal de Crimes Ambientais 9.605, em seu artigo 32 afirma que nenhum animal pode ser submetido a maus-tratos, tampouco a atos cruéis.

O boletim de ocorrência registrado pela ONG foi encaminhado para o delegado, que já deu inicio a apuração do caso. No entanto, ele não estabeleceu um prazo para ouvir o depoimento do acusado que segue em liberdade. Se condenado, ele pode ser sentenciado de três meses a um ano de detenção.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

PRESERVAÇÃO

VAQUINHA ON-LINE

FINAL FELIZ

LEALDADE

COMPROMISSO

ESPECIAL

MAUS-TRATOS


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>