Na Bahia, projeto pretende criar cemitério público para animais


Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Projeto já foi aprovado na Câmara Municipal

Em Salvador (BA), uma iniciativa que prevê a criação do primeiro cemitério público para animais está gerando discussões. Criado pela vereadora Marcelle Moraes (PV), e aprovado pela Câmara Municipal, o projeto busca resolver o problema que tutores passam ao buscar cemitérios privados para enterrar animais domésticos, que custam em média de R$200 a R$300.

Na opinião de Patruska Barreto, ativista da causa animal, a cremação é a alternativa ecologicamente mais correta. “Em tempos em que a legislação ambiental proíbe a construção de novos cemitérios justamente por ser fonte de contaminação de lençóis freáticos é um espanto, para mim, esse projeto”, rebate.

Para alguns, o projeto não é prioridade. Como é o caso da professora da Escola de Veterinária da Universidade Federal da Bahia (UFBA), Daniela Larangeira, que acredita que questões como a ampliação do programa de castração, o oferecimento de vacinas e uma instituição de tratamento animal sejam mais importantes.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

PROGRESSO

GANÂNCIA

DESTRUIÇÃO AMBIENTAL

COREIA DO SUL

VEGANISMO

PRESSÃO PÚBLICA

RESILIÊNCIA

RECOMEÇO

FINAL FELIZ


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>