Jovem é investigado após confessar ter abusado sexualmente de cão


Por Sophia Portes | Redação ANDA (Agência de Notícias de Direitos Animais)

Dicas Peludas

Um homem de 23 anos foi denunciado pela própria tia após confessar que estuprava o cachorro da família. O caso aconteceu na Vila Piratininga, em Campo Grande, Mato Grosso do Sul. De acordo com a parente, o jovem é usuário de drogas e estaria descontrolado nos últimos dias.

A denúncia ocorreu na tarde desta quarta-feira (08), após o homem invadir a loja da tia, colocar seus órgãos genitais para fora e começar a se masturbar. Mais tarde, quando a tia foi para casa, o procurou e e o confrontou e ele voltou a repetir o gesto. Durante a discussão, o criminoso confessou que violentava o cachorro da família. Segundo os familiares, o animal, chamado Tobias e sem raça definida, estaria com problemas de saúde e dificuldade de andar por conta da violência sofrida.

A tia do criminoso registrou o caso na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac), que vai investigar o caso como injúria sexual, ato obsceno, maus-tratos e mutilação animal. O acusado ainda não foi preso e será intimado a prestar esclarecimentos nos próximos dias.

A zoofilia, prática de relações sexuais com animais, é considerada pela psiquiatria um transtorno da sexualidade humana e está classificada como doença passível de tratamento pela Organização Mundial da Saúde (OMS) desde 1990.

Contudo, no Brasil, diferentemente de outros países, o Código Penal não define um artigo específico para punir a ação. Mas desde 2015, a zoofilia é considerada passível de punição por meio da Lei de Crimes Ambientais.

A pessoa que for flagrada em ato libidinoso com animais pode pegar de um a três anos de prisão, com agravante de mais de um sexto da pena se o animal morrer.

 


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

MAUS-TRATOS

DEBILITADO

DECISÃO JUDICIAL

INSPIRAÇÃO

DENÚNCIA

MUDANÇAS CLIMÁTICAS

RETROCESSO

RESPONSABILIDADE

SOLIDARIEDADE


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>