Animais são devolvidos à natureza após sobreviverem ao mercado negro


Reprodução

Cerca de 500 animais são recebidos pelo centro de triagem do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama) no Ceará a cada mês. O animais são levados após operações ou por meio de entrega voluntário dos donos. Após um período no local, eles são devolvidos à natureza.

De acordo com o Ibama, inicialmente, os animais ficam no local para serem tratados antes de voltar à natureza.

Pássaros, cobras ,iguanas e até raposas ganham liberdade em locais que não são divulgados pelo órgão, que podem ser na capital ou fora do estado. Mas a opção mais comum é em locais de difícil acesso e que garantam o habitat com alimento e segurança para as espécies.

Pássaros pequenos, de diversas espécies, ainda são soltos em viveiros, mas a porta é deixada aberta. Eles podem beber água e se alimentar, porém, saem e voltam quando querem.

Fonte: G1


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

CRIME AMBIENTAL

ABERRAÇÃO LEGISLATIVA

EXEMPLO

CICLOVIA RIO PINHEIROS

ESTRESSE

RESILIÊNCIA

BRECHAS LEGAIS


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>