conteúdo anda

Moradores de Frontino, na Colômbia, denunciam morte de cavalo após cavalgada

Habitantes de Frontino, na Colômbia, denunciaram, através de um vídeo, a morte de um cavalo durante as celebrações realizadas em homenagem ao município, localizado em Antioquia. Aparentemente, o tutor do...

79

11/01/2017 às 11:30
Por Redação

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Fonte: Reprodução Facebook / Paola Calle

Fonte: Reprodução Facebook / Paola Calle

Habitantes de Frontino, na Colômbia, denunciaram, através de um vídeo, a morte de um cavalo durante as celebrações realizadas em homenagem ao município, localizado em Antioquia. Aparentemente, o tutor do animal participou de uma cavalgada, realizado na última sexta-feira (06). Segundo o site Minuto 30, o animal foi montado pelo tutor até o último domingo, quando morreu.

Testemunhas declaram que o animal sofreu por uma hora e morreu após convulsionar várias vezes, apesar de ter recebido atendimento veterinário.

“O cavalo parecia exausto”, dizem os moradores da cidade, onde também foram realizadas “corralejas”, festas populares em que, numa praça de touros, se solta um animal de cada vez, terminando sempre com a sua morte.

“Esta manhã, por volta das 4h, haviam homens bêbados montados em animais”, asseguraram os moradores, que estão pedindo às autoridades da cidade para fazer valer os direitos animais, consagrados na lei 1774 de 2016, que especifica os delitos contra a vida, a integridade física e emocional dos animais.

Este é o segundo caso de abuso animal registado na região em menos de um mês. Em novembro, o caso de um cão que foi morto e abusado sexualmente também veio a público.

Veja o vídeo:

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.