Cães morrem de desnutrição após serem mantidos em condições insalubres durante meses


Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Foto: Mercury Press
Foto: Mercury Press

Uma mulher de 23 anos foi proibida de cuidar de animais pelo resto de sua vida depois que deixou dois cães morrerem de inanição.
Andrea Davies trancou os cães machos mestiços Koda e Hachi na cozinha de sua antiga residência em Stepney Grove, Liverpool (Reino Unido), com apenas um balde de água e um saco de biscoitos para cães.

Inspetores da RSPCA descobriram os corpos extremamente magros dos animais meses depois em um avançado estado de decomposição e acreditam que ambos morreram de desidratação ou fome.

Davies, de Walton, foi sentenciada no Tribunal de Magistrados de Liverpool, depois de se declarar culpada de causar sofrimento desnecessário e não atender às necessidades dos cães em uma audiência anterior em dezembro.

Foto: Mercury Press
Foto: Mercury Press

Na sua sentença, os magistrados declararam: “Este foi um dos mais horríveis casos de negligência que vimos neste tribunal e nenhum animal merece morrer ou ser tratado dessa maneira”.

A RSPCA disse que um post-mortem dos cães confirmou que estavam esqueléticos. Além disso, foi encontrado plástico no estômago de Koda, enquanto o de Hachi estava vazio.

Oficiais acreditam que os cães foram deixados sozinhos sem comida ou água suficiente durante meses. Eles disseram que Davies não tinha pedido ajuda e também não disse a ninguém que havia deixado os animais no local.

Foto: Mercury Press
Foto: Mercury Press

Além da ordem de desqualificação, Davies foi condenada a uma pena de 16 semanas de prisão suspensa por 18 meses e também deve participar de um programa de reabilitação de 20 dias.

Ela será monitorada eletronicamente por 16 semanas como parte de uma ordem de toque de recolher e foi condenada a pagar £ 650.
A inspetora da RSPCA, Helen Smith, afirmou: “Quando entrei, descobri que 90% do chão da cozinha estava coberto de fezes e lixo. Então vi os cães, mortos. Foi doloroso encontrar esses pobres cães dessa maneira terrível, eles devem ter sentido muita dor e já que morreram sozinhos”.

“Esperamos que, ao trazer este assunto ao tribunal, tenhamos conseguido alguma espécie de justiça para Koda e Hatchi”, completou ela, segundo o Daily Mail.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

MAUS-TRATOS

PROTEÇÃO ANIMAL

INESPERADO

ASCENSÃO

GRATIDÃO

INDEFESAS


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>