Crivella troca Sepda por secretaria política

silvana
December 28, 2016

Por Helena Novaes

prefeitura do rio e sepda
O futuro prefeito trocou a Sepda por uma secretaria política | Foto: Divulgação / Helena Novaes

A polêmica sobre o fim da Secretaria de Animais do RJ continua. Agora descobriu-se a verdadeira razão: o prefeito eleito optou pela extinção da Sepda e criou em seu lugar a Secretaria de Relações Institucionais, com objetivo de cumprir acordo político com o PTN, partido que o apoiou politicamente na eleição.

Pai de ex-secretário será o titular

Recentemente um ex-secretário da Sepda gravou um vídeo na rede social Facebook defendendo a extinção da Secretaria e procurando passar tranquilidade para as protetoras da causa animal prometendo hospital, farmácia popular e o famigerado castramóvel, que nunca saiu do papel. Todos estranharam a atitude do recém eleito vereador até porque ele sempre dizia o tempo todo que era protetor de animais. Agora a trama foi descoberta: seu pai, o deputado conhecido como “o do chapéu “, que comanda o PTN no RJ, será o titular da nova pasta, que aliás não servirá para nada, apenas para novo cabide de empregos.

Manobra Política

Como o Projeto de extinção da Sepda terá de ter a aprovação dos Vereadores, este senhor já está na verdade, preparando os corações e as desculpas pois terá de votar favoravelmente à extinção para garantir seu pai no poder da nova secretaria que terá mais cargos e menos responsabilidade.

Política e não economia

Cai por terra o discurso de economia da Prefeitura e a verdade surge à tona, apresentando aos eleitores do Rio mais um acordo espúrio de toma lá e dá cá. Só que desta vez envolvendo inocentes.

Retrocesso na causa

Com a extinção da Sepda e sua transformação em Sub-secretaria ou Coordenadoria, muitos projetos em andamento serão prejudicados, como o Bicho Rio e as castrações gratuitas, pois o orçamento já pequeno será ainda mais reduzido. A conversa para enganar o povo da Proteção de que vai ser reduzida mas será ótimo para os animais não “cola”, pois se fosse para ampliar os programas não se reduziria o status da Secretaria e além do mais, tal afirmação é inclusive um desrespeito a todos que lutam pelos animais, creditando uma inteligência mínima a estas pessoas.

Mortes e abandono

Especialistas afirmam que o número de animais abandonados aumentará no RJ.
Espera-se o aumento de doenças e mortes, que são evitadas com as castrações gratuitas, que de acordo com a nova regra, fundada no acordo político, serão reduzidas.

E assim se faz política no Rio. Mais uma vez sacrificando os animais.


Você viu?

Em busca de companhias,

Fonte: g1.globo.com Uma das

Pixabay Aproximadamente 50 ativistas

Grupo de guardas ambientais

Foto: Reprodução Youtube /

Reprodução/Instagram/@osindefesos Três cachorros tiveram

The Dodo Onyx e

Foto: Reprodução/GRAD A destruição

Foto: Pixabay A tradição

Notícias | Você é o repórter | Histórias felizes | De olho no planeta


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

__CONFIG_colors_palette__{"active_palette":0,"config":{"colors":{"cf6ff":{"name":"Main Color","parent":-1},"73c8d":{"name":"Dark Accent","parent":"cf6ff"}},"gradients":[]},"palettes":[{"name":"Default","value":{"colors":{"cf6ff":{"val":"rgb(243, 243, 243)","hsl":{"h":0,"s":0.01,"l":0.95}},"73c8d":{"val":"rgb(217, 216, 216)","hsl_parent_dependency":{"h":1,"l":0.85,"s":-0.05}}},"gradients":[]}}]}__CONFIG_colors_palette__
OK
>