Guepardos estão a um passo da extinção, alertam especialistas


guepardos estão seriamente ameaçados de extinção
Animais estão seriamente ameaçados de extinção | Foto: Pixabay

Um novo levantamento divulgado recentemente pela Sociedade Zoológica de Londres em conjunto com a Sociedade de Conservação da Vida Selvagem alertou para a atual situação dos guepardos, que estão somente a um passo de extinção. Segundo o estudo, cientistas estimam que apenas 7.100 animais permanecem na natureza, ocupando apenas 9% do território que habitavam originalmente.

A população de guepardos na Ásia foi a atingida de maneira mais drástica, restando pouco mais de 50 indivíduos no Irã. Na África, por sua vez, apenas no Zimbábue a população caiu 85% em menos de uma década. “Esse estudo representa a análise mais abrangente do estado do guepardo até hoje. Dada a natureza reservada desse indescritível felino, tem sido difícil recolher informações sobre a espécie, levando à sua situação que está sendo negligenciada”, afirmou a doutora Sarah Durant, líder do projeto, à revista “Proceedings”, da Academia Nacional de Ciências.

“Nossos resultados mostram que os grandes requisitos de espaço do guepardo, juntamente com a complexa gama de ameaças enfrentadas pela espécie, significa que ele estão muito mais vulneráveis a extinção do que se era pensado antes”, completou Durant.

Acredita-se que uma das causas do desaparecimento da espécie seja a falta de espaço, além das ações diretas dos seres humanos que caçam suas presas, o tráfico e o comércio de animais exóticos.

Os especialistas reforçam ainda a necessidade de uma abordagem ampla para a conversação do guepardo principalmente no Zimbábue, focando nas áreas nacionais e incorporando estratégias regionais, motivando governos e comunidades locais para proteger o animal.

“O ponto de partida desse estudo é mostrar que proteger as áreas por si só não é suficiente. É preciso pensar grande, conservando todo o mosaico de paisagens protegidas e desprotegidas que estes felinos habitam se quisermos evitar perder os guepardos para sempre”, declarou o doutor Kim Young-Overton, da organização de proteção Panthera.

Fonte: Rede TV


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

CONSERVAÇÃO

MUDANÇAS CLIMÁTICAS

MAUS-TRATOS

HABITATS DESTRUÍDOS

OMISSÃO

ECONOMIA CIRCULAR

DEDICAÇÃO

TECONOLOGIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>