CONTEÚDO ANDA

Ursos aprisionados em zoo imploram por alimento e são impedidos até mesmo de hibernar

Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Foto: iStock

Alguns ursos ocupam áreas que podem se estender durante quilômetros e outros não são tão territoriais. Há aqueles que são escavadores excepcionais enquanto outros correm muito rápido.

Porém, nesta época do ano, a maioria deles tem algo em comum: eles hibernam. É inato, faz parte de seu DNA e é uma necessidade. Eles podem permanecer durante algumas semanas sob uma rocha ou seis meses em uma toca quente que fizeram debaixo de uma árvore, mas, muito antes do tempo frio se estabelecer, começam a engordar para que seus corpos estejam prontos para esse período.

FAÇA PARTE DO #DiaDeDoarAgora EM 5 DE MAIO

Sua necessidade instintiva de hibernar não importa para o Cherokee Bear Zoo em Cherokee, na Carolina do Norte (EUA);  para o Three Bears General Store em Pigeon Forge, no Tennessee; ou outros zoológicos de beira da estrada e poços de urso.

Foto: iStock

Enquanto seus primos de itinerância estão se preparando para o inverno – estocando gordura e felizes em seus ambientes naturais – os ursos prisioneiros nestes buracos infernais ficam em exibição durante todo o ano para maximizar os lucros dos exploradores.

Estas armadilhas turísticas negam-lhes não só a oportunidade de hibernar, mas também tudo o mais que lhes é natural e importante: eles não podem caminhar em seu habitat, forragear, ou escolher um parceiro.

Confinados em terríveis poços de concreto, os ursos do Cherokee Bear Zoo andam de um lado para outro, caminhando em círculos intermináveis em e choram enquanto imploram que os turistas lhes deem algum alimento.

Foto; iStock

O Three Bears General Store fornece comida de cachorro aos ursos mantidos em cativeiro e vende copos de biscoitos quebrados de cachorros e pedaços de frutas para que o público jogue nos poços, que são feitos inteiramente de “rochas” e uma pequena piscina, onde os animais aparentemente têm que beber e se banhar, de acordo com a PETA.

Estes ursos deveriam ser transferidos para santuários credenciados nos quais poderão experimentar a vida que até agora lhes foi negada. Por isso, é fundamental não financiar zoológicos e instalações semelhantes que exploram animais.

1 COMENTÁRIO

  1. Isso é um crime contra a vida desses seres inocentes que estão nas garras de monstros imundos desgraçados e covardes … Absurdo o que estão fazendo em tirar a única coisa que eles tem por natureza a LIBERDADE … que Deus tenha piedade de TODOS NÓS…

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui