Corujinha-do-mato adota filhote de garnisé em sítio localizado em Minas Gerais


Filhote de garnisé adota mamãe coruja (Foto: Vanderlei Duarte/TG)
Filhote de garnisé adota mamãe coruja (Foto: Vanderlei Duarte/TG)

O casal Cipriana e José Geraldo Bourgeois mora em Andradas (MG). No sítio de cerca de cinco hectares se produz café e os animais domésticos são um cachorro e vinte galinhas garnisés.

Há cerca de mês, uma das galinhas pôs quatro ovos em um balaio de bambu. José Geraldo, porém, estranhou a movimentação e acreditou que um gambá estivesse ameaçando o ninho.

Qual não foi a surpresa do agricultor quando se aproximou e descobriu que havia uma corujinha-do-mato chocando os ovos. Dos quatro ovos, apenas um eclodiu e a coruja permaneceu aquecendo o pintinho.

O pintinho tem hoje a coruja como mãe. Durante o dia, Cipriana tem tirado o garnisé do ninho para ciscar no terreiro. Enquanto isso, a corujinha vocaliza, à procura do “filho”. À noite, quando a coruja deixa o ninho para caçar, é a vez de o pintinho reclamar a ausência da “mãe”.

Fonte: G1


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

APELO

LUTO

FLORIANÓPOLIS (SC)

SÃO PAULO

INOVAÇÃO

AMOR

ESTUDO

ÁFRICA DO SUL

CÂNCER DE PELE

CONSERVAÇÃO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>