Trinta golfinhos voltam à natureza após serem capturados para entretenimento


Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Reprodução/Care2
Reprodução/Care2

Após serem capturados para passarem suas vidas em cativeiro, 30 golfinhos nariz-corvineiros do Indo-Pacífico estão sendo libertados de volta na natureza.

Estes golfinhos foram confinados e seriam exportados para outros países onde seriam explorados como entretenimento em exibições públicas.

Eles também haviam sido submetidos às mesmas técnicas bárbaras e cruéis que os caçadores de golfinhos usam em Taiji, no Japão. O caso foi descoberto pelo International Marine Mammal Project (IMMP).

Devido à intervenção do governo das Ilhas Salomão, no Oceano Pacífico, a exportação dos animais foi proibida. A região é conhecida como um local de caça de golfinhos e ativistas temem que, devido à matança contínua, as populações dos mamíferos corram risco de extinção.

Pesquisas publicadas em 2015 apontaram que 15 mil golfinhos foram mortos nas ilhas entre 1976 e 2013, segundo o World Animal News.

O turismo e as exposições púbicas impulsionam grande parte das capturas de golfinhos e por isso é fundamental não financiar instalações como zoológicos e aquários que os exploram em nome do lucro.

“Sem a intervenção do governo, mais de 30 golfinhos poderiam ter sido carregados a bordo de jatos de carga e provavelmente com destino à China. A jornada é extremamente angustiante, assim como o trauma de serem arrancados de suas famílias e dos oceanos. A captura e transporte de golfinhos são cruéis e resultam em estresse, doenças e morte prematura dos animais”, disse David Phillips, diretor do IMMP.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

AÇÃO HUMANA

CONSCIENTIZAÇÃO

ABUSO

ÓRFÃO

COREIA DO SUL

SOB INVESTIGAÇÃO

AGRESSÃO BRUTAL


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>