Vaca ferida é covardemente arrastada por trator após dar à luz


Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

SAFE
SAFE

Imagens angustiantes mostram uma vaca sendo arrastada através de um campo enlameado por um trator a apenas alguns metros do corpo morto de seu filhote. As patas dianteiras da vaca entraram em colapso depois que ela deu à luz e o bezerro morreu minutos após o nascimento.

Um fazendeiro usou grampos de quadril, mas deixou-a pendurada em um cinto de metal por meia hora antes de usar o veículo da propriedade para arrastá-la.

SAFE
SAFE

O vídeo chocante foi feito pelo grupo Farmwatch, que estava investigando os maus-tratos a animais na fazenda em Waikato, na Nova Zelândia.

Ativistas pelos direitos animais colocaram uma câmera disfarçada em uma cerca quando o fazendeiro retornou, apenas para continuar abusando da vaca. Depois de entrar em seu trator, ele usou o veículo para puxar a vaca por seus quadris ao redor do campo, fazendo com que sua cabeça ficasse em contato com o lixo do solo.

SAFE
SAFE

Os ativistas disseram que os animais só podem ficar com grampos em seus quadris por no máximo  10 minutos. Eles devem ser usados para sustentar uma vaca e ajudá-la a se mover, mas não para arrastá-la.

A Farmwatch entregou as imagens para o Ministério das Indústrias Primárias (MPI), mas as autoridades ainda não decidiram se irão processar o fazendeiro, reportou o Daily Mail.

“Esta filmagem foi relatada ao MPI, mas ainda não fizeram nada para repreender o fazendeiro”, disse John Darroch, da Farmwatch, à organização SAFE.

Nota da Redação: A indústria da carne e de laticínios trata os animais como objetos que devem maximizar seus lucros e este caso é mais uma prova disso. Esta vaca não conseguiu sequer lamentar a perda de seu amado filhote e, ao invés disso, foi cruelmente separada dele e arrastada pelo campo em meio ao lixo como se não fosse um ser vivo que merece respeito e compaixão. Infelizmente, enquanto as pessoas continuarem financiando essa exploração e não mudarem seus hábitos, esse sofrimento continuará. 


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

APELO

RECOMEÇO

BARBÁRIE

SEGUNDA CHANCE

INSPIRAÇÃO

DESCARTE IRRESPONSÁVEL

BOA AÇÃO

CHINA

HEROÍNA

FINAL FELIZ


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>