População de lontras-marinhas da Califórnia atinge maior número em 100 anos


Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Reprodução/Wikimedia Commons
Reprodução/Wikimedia Commons

Um novo relatório do US Geological Survey (USGS) revelou que as populações de lontras-marinhas da Califórnia atingiram o nível mais alto desde 1982.

O documento foi divulgado recentemente e mostrou que o número de lontras-marinhas que vivem na costa da Califórnia (EUA) subiu em 3272 neste ano, um acréscimo de 11% desde 2013. Pela primeira vez, a quantidade de animais no país excedeu 3090.

Caso a população permaneça com mais de 3090 indivíduos por mais de dois anos, as lontras do Estado serão removidas da lista de espécies à beira da extinção e reclassificadas como “em perigo”.

“A população destes animais tem se recuperado e isso também é uma boa notícia porque eles trazem benefícios ecológicos”, disse Tim Tinker, biólogo responsável pelo programa de lontras do USGS.

As lontras-marinhas da Califórnia vivem ao longo da costa de Monterey até Cambria. Um aumento significativo no número de animais foi observado na parte central desta área.

Cientistas acreditam que um dos fatores que contribuiu para o aumento da população da espécie foi a abundância de ouriços  na região.

Com uma população histórica de cerca de 16 mil indivíduos, as lontras-marinhas da Califórnia foram caçadas por suas peles e levadas à beira da extinção, segundo informações do Nature World News.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

SOLIDARIEDADE

NOVOS LARES

RIO CLARO (SP)

EXTINÇÃO

VISIBILIDADE

CANADÁ


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>