Trancados, cães agonizam até morrer dentro de carro, nos Estados Unidos


Divulgação
Divulgação

Daisy, Mitch e Rascal ficaram fechados no carro enquanto o tutor, Theobald, foi ao ginásio. Horas depois, quando o homem de 65 anos voltou ao veiculo, dois dos animais já estavam mortos e o terceiro estava em grande sofrimento.

“Os cães ficaram sozinhos no carro durante horas. Antes de morrerem, devem ter sofrido bastante” afirmou um dos investigadores do caso.

O terceiro animal acabou também por morrer e o tutor declarou-se culpado, quando acusado pelo Animal Welfare Act, lei que regula o tratamento animal nos Estados Unidos. O homem aguarda agora a decisão do tribunal de Peterborough, no Reino Unido, que sairá a 28 de setembro.

*Esta notícia foi escrita, originalmente, em português europeu e foi mantida em seus padrões linguísticos e ortográficos, em respeito a nossos leitores.

Fonte: Correio da Manhã


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

PUNIÇÃO

MAUS-TRATOS

SEGUNDA CHANCE

CENSURA

DESPERTAR

PROTEÇÃO

HOLOCAUSTO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>