Polícia investiga assassinato de lontras-marinhas nos EUA


Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Reprodução/LilianCarwell
Reprodução/LilianCarwell

Autoridades da vida selvagem na Califórnia (EUA) fizeram um apelo ao público e ofereceram uma recompensa de US$ 10 mil para encontrar os responsáveis por uma série de assassinatos de lontras-marinhas na região.

Três lontras-marinhas do sul, também conhecidas como lontras-marinhas da Califórnia, foram encontradas mortas em Santa Cruz neste mês e os resultados iniciais das necropsias revelam que os animais foram baleados de acordo com o Serviço de Animais Selvagens e de Pesca dos Estados Unidos.

Duas lontras eram jovens e machos e uma era um homem adulto. É provável que os animais tenham sido mortos entre o final de julho e o início de agosto. As autoridades suspeitam que uma quarta lontra encontrada morta no dia 20 de agosto também tenha sido baleada.

As lontras são protegidas pela lei estadual e pela Lei de Proteção de Mamíferos Marinhos e o assassinato de um dos membros da espécie é punível com prisão e uma multa de até US $ 100 mil.

Em 1977, as lontras-marinhas foram colocadas sob a proteção da Lei de Espécies Ameaçadas (ESA) após terem sido caçadas até quase sua extinção, informa o Huffington Post.

Atualmente, há cerca de três mil lontras que vivem em águas californianas, o que é um grande declínio em relação à existência de dezenas de milhares de integrantes da espécie antes do início do comércio de peles.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

ABRAÇO ANIMAL

DENÚNCIA

JAPÃO

PRESERVAÇÃO

DESESPERO

CONSOLO

CALIFÓRNIA

ANGÚSTIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>