Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Por Maria Eduarda Spencer (da Redação)

Foto: IAR
Foto: IAR

Orangotangos são algumas das criaturas mais fascinantes da Terra. São expressivos, adoravelmente bagunceiros e sua semelhança com os humanos é surpreendente. Assim como nós, eles possuem laços familiares fortes e permanecem unidos durante toda a vida. Além disso, orangotangos são extremamente inteligentes e capazes, se instruídos, de se comunicar em linguagem de sinais e construir ferramentas com materiais da natureza.

Infelizmente, as ações humanas estão prejudicando cada vez mais a vida dessa espécie. Alguns orangotangos são tirados da vida selvagem e vendidos para o tráfico para serem usados como animais exóticos de companhia. Entretanto, a maior ameaça para a vida dos orangotangos é a indústria de óleo de palma.

Esse óleo é uma substância comum encontrada em diversos produtos. Nas ilhas de Borneo e Sumatra, na Indonésia, hábitat natural dos orangotangos, áreas do tamanho de 300 campos de futebol são desmatadas a cada hora para abrir espaço para plantações de palma. Por conta desse desflorestamento, orangotangos, que passam a maior parte da vida em árvores altíssimas, morrem. Na última década, 20 mil orangotangos foram mortos pela indústria de palma.

Felizmente, todo ano são feitas ações que prezam pelo bem-estar dessa incrível espécie. Organizações como o International Animal Rescue (IAR) passam seus dias resgatando orangotangos nas áreas desmatadas, que perderam suas famílias ou eram mantidos como animais domésticos. E mais, as organizações informam sobre o impacto do consumo de óleo de palma e alternativas que podem salvar os animais.

Foto: IAR
Foto: IAR

Esses dois bebês orangotangos resgatados pelo IAR nos dão esperança, assim como muitos outros casos de orangotangos salvos pelas equipes de cuidadores. Histórias como a do bebê orangotango órfão que recuperou a visão nos fazem acreditar que talvez, se fizermos a nossa parte, poderemos continuar a ver essa linda espécie por muitos anos.

Pode parecer impossível tomar ações cotidianas que consigam impactar significativamente na vida dos animais ao redor do globo, mas assim como nossas escolhas alimentares, os produtos que consumimos podem ser uma grande mudança. Trocar alguns elementos do seu estilo de vida por outros mais saudáveis e sustentáveis é o primeiro passo para ajudar a preservar as belíssimas espécies que precisam de nosso cuidado.