Microsoft, Ebay, Yahoo e outros gigantes da tecnologia combatem comércio de animais selvagens


Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Reprodução/WorldAnimalNews
Reprodução/WorldAnimalNews

Em homenagem ao Dia Mundial do Elefante, ocorrido no dia 12 de agosto, gigantes da indústria de tecnologia estabeleceram medidas para incentivar o respeito à vida selvagem.

As empresas Etsy, Microsoft, Pinterest, eBay, Gumtree, Yahoo e Tencent se comprometeram por escrito a padronizar práticas em toda a mídia social e em plataformas de comércio eletrônico para combater brechas que permitem o comércio de animais selvagens em seus portais, segundo o World Animal News.
As orientações abrangem apenas as espécies ameaçadas de extinção ou aquelas protegidas pela legislação norte-americana.

O objetivo é definir quais espécies ameaçadas de extinção e produtos que os consumidores e as empresas devem relatar, como roupas feitas com répteis. Os comerciantes também têm utilizado descrições e títulos de produtos falsos para contornar a legislação.

“Essas empresas de tecnologia estão unindo forças para criar uma parede contra os criminosos que comercializam animais selvagens na internet. Se for colocado algum produto online que é de um animal ameaçado, ele será removido de acordo com a lei”, afirmou Tania McCrea-Steele, líder do Projeto de Crimes Cibernéticos Globais contra a Vida Selvagem do Fundo Internacional de Bem Estar Animal.

“Isso faz com que os clientes estejam cientes de que este tipo de comércio é ilegal e que este tratamento em relação a animais selvagens é errado. Também é útil para “comerciantes acidentais”, que podem não saber exatamente de onde essas mercadorias são originárias”, completou.

Em 2009, o Ebay já havia proibido o comércio de marfim em todos os seus sites.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

SAÚDE

GOIÁS

NOVA JORNADA

HONG KONG

AFETO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>