Aves na lista de extinção são resgatadas de cativeiro em Regente Feijó (SP)


Divulgação
Divulgação

A Polícia Militar Ambiental apreendeu nesta sexta-feira (22), em uma chácara localizada em Regente Feijó, seis pássaros da fauna silvestre que eram mantidos em cativeiro. Depois de uma denúncia, os policiais encontraram no local um periquitão-maracanã, uma arara-grande-vermelha e quatro papagaios-verdadeiros.

Segundo a corporação, um homem de 68 anos, responsável pelo local, informou que várias pessoas deixavam as aves para serem cuidadas na propriedade e que não sabia da proibição de mantê-las em cativeiro.

Foram lavrados dois autos de infrações ambientais que totalizaram R$ 10 mil. Um deles, no valor de R$ 7 mil, por introduzir espécime silvestre no território do Estado de São Paulo, devido à arara-grande-vermelha constar na lista de animais em extinção. O outro, de R$ 3 mil, por ter em cativeiro animal da fauna silvestre nativa.

As aves foram destinadas à Associação Protetora de Animais Silvestres de Assis (Apass), onde passarão por cuidados veterinários e, assim que estiverem em condições, serão reintroduzidas em seu habitat.

Divulgação
Divulgação

Fonte: G1


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

TRATAMENTO MÉDICO

PROGRESSO

GANÂNCIA

DESTRUIÇÃO AMBIENTAL

COREIA DO SUL

VEGANISMO

PRESSÃO PÚBLICA

RESILIÊNCIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>