PM resgata cinco aves silvestres e toneladas de madeira em depósito em Goiás


Reprodução/G1
Reprodução/G1

Policiais militares resgataram cinco aves silvestres e encontraram 80 toneladas de madeira em um depósito às margens da DF-180, entre Ceilândia e Águas Lindas (GO). A operação aconteceu em parceria com o Ibram. Flagrados no espaço, dois homens foram presos por crime ambiental.

De acordo com a PM, as aves eram araras-canindé (duas), papagaio do mangue (um), papagaio-verdadeiro (um) e gavião imperial (um), espécie em extinção. Elas estavam em gaiolas e foram levadas para o Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas), do Ibama. O estado de saúde dos animais não foi informado.

O dono do local, de 36 anos, foi localizado pela polícia e disse desconhecer a atividade que ocorria dentro do depósito. Ele prestou depoimento, mas foi liberado em seguida. Os dois suspeitos de armazenar o material e os animais na propriedade foram autuados por crime ambiental. A pena prevista pelo Código Penal é de três meses a um ano de prisão, além de multa.

Segundo a polícia, o espaço foi descoberto por meio de fiscalização. Foi constatado ainda que os responsáveis pelo depósito ilegal usavam água do córrego Capão do Brejo sem autorização da Adasa, por meio de um sistema ilegal de captação.

Fonte: G1


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

CALIFÓRNIA

ANGÚSTIA

COMPANHIA

VIOLÊNCIA INJUSTIFICADA

ASSASSINATO BRUTAL

EXEMPLO

AGROPECUÁRIA

POVOS ORIGINÁRIOS

FINAL FELIZ


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>