ONG de Uberlândia recebe espaço para montar clínica veterinária popular


Associação cuida de 370 animais (Foto: APA Uberlândia/Divulgação)
Associação cuida de 370 animais
(Foto: APA Uberlândia/Divulgação)

Associação de Proteção Animal de Uberlândia (APA) recebeu da Prefeitura Municipal um prédio onde será instalado uma clínica veterinária popular e o departamento administrativo da entidade. A chave foi entregue nesta quarta-feira (1°) e o espaço conta atualmente com dois terrenos e uma casa de dois andares, totalizando uma área de 1.100 m².

Atualmente a APA abriga 370 animais entre cães e gatos e conta com uma equipe de cinco funcionários e cerca de 20 voluntários que prestam serviços frequentemente. Agora, a associação tem um período de até seis meses para iniciar o projeto no espaço. Para a construção, reforma e aquisição de equipamentos para a clínica, a associação pretende buscar recursos junto a parceiros, empresas e Ministério Público, por meio de Termos de Ajuste de Conduta (TACs).

O imóvel cedido pelo município fica na Avenida Nicodemos Alves dos Santos no cruzamento com a avenida Rondon Pacheco, embaixo do viaduto Carlos Saraiva, no Bairro Santa Maria. No local funcionava a Junta Administrativa de Recursos de Infrações (Jari), que foi transferida para a um novo espaço.

Trabalhos desenvolvidos na clínica

Depois de instalada, a clínica vai garantir que os animais recebidos pela entidade tenham os cuidados necessários quanto a tratamento de ferimentos, aplicação de vacinas, exames, internações e outros procedimentos, como a castração desses animais.

De acordo com o presidente da associação, Henrique Silva, no local ainda será construído uma estrutura para que os animais castrados possam ficar em observação no período do pós-operatório, que leva em média cerca de 10 dias. “Essa clínica popular vai contribuir nos cuidados dos animais que a associação abriga e ainda disponibilizar procedimentos veterinários para animais que os protetores acolhem em suas casas, ou aqueles animais que eles encontram em ruas e terrenos baldios”, disse.

O presidente também ressaltou que a clínica vai viabilizar um considerável aumento de castrações e atendimentos que hoje são oferecidos pelo município, através do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) e do Hospital Veterinário da Universidade Federal de Uberlândia (UFU). “Atualmente existe uma grande preocupação com o controle populacional de cães e gatos e a castração é uma das formas de evitar que animais sejam abandonados diariamente nas ruas”, disse.

APA

A Associação de Proteção Animal (APA) de Uberlândia foi fundada em 1996. Ao longo de dois anos o projeto ganhou corpo e, em 1998, com a doação de um terreno em uma área de chácaras no município, iniciou-se à construção de duas coberturas para abrigo de animais (12 unidades).

Em 2010, através de financiamento viabilizado pela Prefeitura, foi construído mais um gatil (2 unidades). Em 2012 a Promotoria de Meio Ambiente de Uberlândia também deu sua parcela de contribuição, possibilitando a construção de mais dois conjuntos de canis (com 14 unidades) e elevando a capacidade de abrigo para 150 animais.

Os animais atendidos pela APA têm as seguintes características: situação de risco, vítimas de maus-tratos, vítimas de violência sexual, de violência doméstica, filhotes expulsos de seus lares e fêmeas em risco de gestação. A APA é mantida pelos seus associados, por rifas e bazares de artigos usados, por doações de empresas da cidade e doações anônimas.

Fonte: G1


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

ARTIGO

DESACATO

GENTILEZA

DOR E SOFRIMENTO

COMPORTAMENTO

BENEFÍCIOS

CRUELDADE

SENCIÊNCIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>