Protetora pede sensibilização da sociedade em prol do gato Garfield, em Campo Grande (MS)


O gato Garfield está com Herpesvírus felino, uma doença que pode deixá-lo cego ou até mesmo levar a óbito. Há também o perigo de contagiar outros gatos. Por isso, Lucineide Alexandre e sua filha Marluce Costa lançaram uma campanha na rede social Facebook, com o objetivo de sensibilizar a sociedade.

“Eu e minha filha somos protetoras de animais. Um de nossos gatos ficou doente e estamos fazendo essa campanha para conseguir ajuda financeira para o tratamento veterinário”, disse.

Divulgação
Divulgação

O trabalho realizado por Lucineide e a filha pode ser acompanhado na página do Facebook ‘Ajudem a HotDog e o Ajax’, que já conta com 513 seguidores.

O nome escolhido para a página carrega uma história de luta e perda. A cachorra HotDog foi resgatada no dia 23 de dezembro de 2014 e diagnosticada com Cinomose, uma doença grau elevadíssimo de contágio, que atinge vários órgãos do animal e, na maioria dos casos, leva à morte do cachorro. E infelizmente, foi o destino de HotDog que faleceu na madrugada do dia 25 de março de 2015, devido a uma forte reação alérgica aos medicamentos.

Seu companheiro, o gato Ajax, começou a ter sérios problemas no trato urinário desde janeiro do ano passado e atualmente seu quadro é considerado estável. No entanto, Lucineide e Marluce não querem que outros animais tenham o mesmo fim de HotDog e, por isso, ajudam como podem vários animais que são resgatados.

“Aqui em casa vivemos com uma renda de R$880, sendo cinco pessoas e 11 animais. Eu (Marluce da Costa) estou procurando emprego, já rodei o centro distribuindo currículos, fui aos shoppings e grandes supermercados, estou em vários grupos de vagas no Facebook mas, nada até agora. Temos um pequeno comércio, a Eletrônica Excelsior 2001 em nossa casa mesmo, onde fazemos conserto e reciclagem de eletrônicos. No entanto, a renda é completamente incerta, e quando vem já temos inúmeras contas a pagar, grande parte delas em atraso. Por isso, pedimos as doações em prol da saúde e bem estar do Garfield, seus irmãos e outros animais que não podem esperar”, explica Lucineide.

Como ajudar
As doações podem ser feitas pessoalmente na casa de Lucineide, para mais informações pelo telefone (67) 9254-3975 ou pelo (67) 9145-6863.

“Doar é uma prática que requer desapego. O olhar volta-se para o outro e não para si mesmo. As pessoas que têm facilidade de doar alegram-se duplamente. Sentem alegria pelo ato de presentear e também por ver a alegria de quem recebe”, diz a página do Facebook ‘Ajudem a HotDog e o Ajax‘.

Fonte: A Crítica


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

INSPIRAÇÃO

DENÚNCIA

MUDANÇAS CLIMÁTICAS

RETROCESSO

RESPONSABILIDADE

SOLIDARIEDADE

MISSÃO

ACADEMIA ESPECISTA

SADISMO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>