Justin Bieber se promove às custas de tigre vítima do confinamento e exploração


Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Foto: Reprodução/Daily Star
Foto: Reprodução/Daily Star

O cantor Justin Bieber, 22, foi flagrado ao lado de um tigre na festa de noivado do seu pai, em Toronto.

O astro aproveitou a festa privada para tirar fotos com o animal. A atitude pode ter impressionado os fãs do rapaz, mas não os defensores dos direitos animais.

Recentemente, foi constatado que existem mais tigres confinados nos EUA do que nas florestas do mundo todo, levantando a questão da proibição da tutela de animais selvagens.

“Quando você não sabe com quem estão esses tigres, quem os vende e o que acontece com eles, não há como assegurar que não estejam sendo vítimas do tráfico ilegal da vida selvagem,” declarou Leigh Henry, porta-voz do World Wildlife Fund, sobre o assunto.

Foto: Reprodução/Daily Star
Foto: Reprodução/Daily Star

E não é a primeira vez que Justin Bieber viola os direitos animais. Ele tutelava um macaco chamado Mally, que foi confiscado em 2014 durante sua turnê de Munich, justamente porque Bieber não conseguiu provar que o animal não era mais uma vítima do tráfico da vida selvagem.

Na época, um porta-voz do Hodenhagen Serengeti Wildlife Park disse ao Daily Mail: “Só podemos concluir que o macaco foi comprado ilegalmente.”

Nota da Redação: Posar ao lado de um animal gravemente ameaçado de extinção, exibindo suas condições em cativeiro em nome da vaidade humana é um ato execrável. Tratando-se de uma figura pública, o ato é ainda mais grave e promove o desrespeito aos direitos animais, além de encorajar o tráfico da vida selvagem.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

CONSERVAÇÃO

MUDANÇAS CLIMÁTICAS

MAUS-TRATOS

HABITATS DESTRUÍDOS

OMISSÃO

ECONOMIA CIRCULAR

DEDICAÇÃO

TECONOLOGIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>