Ação pública

Prefeitura de Joinville (SC) dará chips e castração de graça

Elisangela (D) levou a cadela Preta para receber o chip Foto: Salmo Duarte / Agencia RBS
Elisangela (D) levou a cadela Preta para receber o chip
Foto: Salmo Duarte / Agencia RBS

A partir desta segunda-feira, cães e gatos de famílias de baixa renda de Joinville poderão ser castrados, além de terem um micro-chip com identificação e dados do responsável implantado. A nova etapa do Programa de Controle Populacional de Cães e Gatos promovida pela Secretaria do Meio Ambiente (Sema) de Joinville será realizada após a fase de castração de animas domésticos cadastrados em entidades protetoras, iniciada em janeiro.

Elisangela Cristina de Oliveira Zoccatelli, de 42 anos, foi uma das beneficiadas pelo programa. Ela levou as suas cadelas Choca e Preta para castrar e implantar o microchip numa das seis clínicas veterinárias credenciadas pela Sema. As duas foram adotadas pela família: Choca há quatro anos e Preta, há quatro meses. Ela conta que a Preta foi abandonada na rua onde mora, no Morro do Meio. A ideia inicial não era ficar com ela, mas o amor parece ter falado mais alto.

“A gente amou e ficou com ela, agora não vai mais embora”, disse Elisangela, que nem imaginava que pouco tempo depois de adotar a SRD, ela teria sete filhotes. A costureira, que trabalha em casa com seu marido, conseguiu doar todos os filhotes numa feira organizada num supermercado joinvilense.

Ela mora com suas duas filhas, uma de 13 e outra de seis, além do pai de 75 anos, que a acompanhou na clínica na sexta-feira. Ao todo, são cinco cachorros em casa: um para cada membro da família.

“O programa é muito importante, você imagina se não tivesse isso… O valor de uma castração, eu nem sei quanto é. É muito cachorro jogado na rua, é muito abandono”, lamenta.

Interessados devem se inscrever no CadÚnico

Os responsáveis pelos animais domésticos poderão agendar a castração diretamente com a Sema, pelo telefone 3433-2230. Para isso, o responsável deve estar inscrito no Cadastro Único (CadÚnico) da Secretaria de Assistência Social (SAS). Apenas famílias de baixa renda que ganhem até meio salário mínimo mensal por pessoa ou aquelas em que a renda total mensal é de até três salários mínimos têm direito ao benefício.

Segundo o gerente da Sema, Reginaldo da Roza, metade da meta de castrações para 2016 já foi cumprida. Com R$ 1 milhão reservado para o programa, a meta é atingir 5 mil castrações neste ano. O programa tem a possibilidade de ser renovado por até cinco anos.

Em Joinville, o cadastro pode ser feito nos centros de referência de assistência social (Cras) e na sede da Secretaria de Assistência Social, na avenida Procópio Gomes, 749, no bairro Bucarein. O atendimento é realizado de segunda a sexta-feira, das 8 às 14 horas, na sede, e das 8 às 18 horas nos Cras. Os interessados devem chegar às 7h30 para distribuição das senhas, portando documentos originais (CPF, RG, título de eleitor, carteira de trabalho, última folha de pagamento ou comprovante de aposentadoria, certidão de nascimento de menores de idade e comprovante de residência).

O cadastro deve ser atualizado a cada dois anos. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (47) 3802-3733.

Fonte: Diário Catarinense

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui