Duas pessoas são detida durante 'farra do boi' em Navegantes (SC)


22
Divulgação

Dois homens de 20 e 26 anos foram detidos pela Polícia Militar durante uma farra do boi entre a noite de sábado (23) e madrugada de domingo em Navegantes, em Santa Catarina. A PM relatou que os farristas atiraram pedras contra os policiais que foram atender a ocorrência. Cerca de 50 pessoas participavam do evento. O grupo ainda tentou através o animal pelo rio, mas ele acabou sendo resgatado.

A farra teria começado antes da meia-noite de sábado próximo ao molhe da cidade, no bairro São Pedro e encerrou depois das 2h30 de domingo. Além das equipes de Navegantes, policiais de Itajaí foram acionados para dar apoio e dispersar os farristas. Ao todo 18 PMs participaram da ação. Eles precisaram usar balas de borracha e bombas de gás para conter a farra.

Dois homens tentaram agredir um policial de Itajaí e acabaram sendo detidos. A dupla foi presa e conduzida à Central de Plantão Policial (CPP). Também foi acionada uma equipe da Cidasc para laçar o animal. No entanto, os farristas jogaram o boi no rio para tentar atravessar até Itajaí e foi preciso pedir apoio do Corpo de Bombeiros para retirá-lo da água. Algumas pessoas se esconderam nas casas próximas e outras fugiram pelo rio, segundo a polícia.

De acordo com o gestor regional da Cidasc Itajaí, João Paulo Batista dos Santos, o animal era da raça charolês e estava sendo o brinco de identificação. Ele pesava cerca de 400 quilos e teve de ser induzido a morte.

“O boi estava bastante debilitado quando encontramos. Isso quer dizer que os farristas já estavam brincando com ele há dias, mas ninguém denunciou”, comenta.

As farras são mais comuns na época da Quaresma, por isso, Santos acredita que a ação tenha sido uma forma de provocação. Esta é a quinta farra que acontece na região. Bombinhas, Porto Belo e Itapema já tiveram registros neste ano. O caso mais grave ocorreu em Bombinhas, onde um homem morreu após levar uma chifrada durante uma farra.

Em 2014, a farra já tinha registrado a morte um adolescente de 15 anos em Navegantes. Gabriel Felício Rodrigues foi baleado na perna e morreu por choque hemorrágico após receber atendimento médico. Ele participava da farra quando houve um confronto com a PM. Desde então, nenhum registro grave tinha ocorrido na cidade.

Fonte: Diário Catarinense


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

INSTINTO

VIDA NA RUA

RESPEITO E AFETO

FINAL FELIZ

TRISTEZA

PUNIÇÃO

MAUS-TRATOS

SEGUNDA CHANCE

CENSURA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>