Cerca de 350 cervos são mortos a tiros por autoridades em parque americano


Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Foto: AP Photo/Kathy Kmonicek
Foto: AP Photo/Kathy Kmonicek

Atiradores de elite já mataram 350 cervos em um parque nacional de Ohio, no que as autoridades estão chamando de “uma primeira matança de cervos bem sucedida”.

Segundo reportagem do NBC41, a operação tinha como objetivo reduzir a população de cervos no local, e foi realizada em 16 noites, do dia 11 de janeiro até o dia 7 de março, no Parque Nacional Cuyahoga Valley.

Uma estimativa de 2013 indicou que o parque, que fica próximo a Brecksville e tem uma área de 33 mil hectares, tinha cerca de 1.700 cervos de cauda-branca (“white-tailed”). As autoridades dizem esperar que esse número seja reduzido pela metade.

Para isso, o plano é de matar a tiros 350 cervos por ano nos próximos dois invernos, e 175 no último ano.

Somente após esse massacre, os administradores do parque afirmam que um programa contraceptivo será implementado para “manter” a população.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

ÓRFÃO

TRATAMENTO

PROTEÇÃO ANIMAL

CRUELDADE


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>