Fotógrafo que registrava violência contra animais é atacado em tourada na Colômbia


52
Divulgação

O fotógrafo Javier García, do jornal El Heraldo, foi atacado no último fim de semana por participantes das Corralejas, “festas” em que touros e cavalos são torturados, semelhantes as touradas, na Colômbia.

Segundo informações de um portal local, García registrava a tradicional festa de Arjona e começou a fotografar um cavalo, que morreu na arena. Toureiros ficaram irritados e passaram a atacar o profissional com pedras, garrafas vazias e latas de cerveja.

“Eles não queriam que eu prejudicasse a festa. Eles sabem que estas imagens podem afetar futuras edições do Corralejas”, relatou o fotógrafo. O evento é criticado por violações aos direitos animais.

Nas Corralejas colombianas, dezenas de pessoas invadem a arena e desafiam os animais como se fossem toureiros profissionais. Ao menos uma pessoa morreu e outras 44 ficaram feridas durante o evento.

Fonte: Portal Imprensa


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

RECONHECIMENTO

PRESERVAÇÃO

VAQUINHA ON-LINE

FINAL FELIZ

LEALDADE

COMPROMISSO

ESPECIAL


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>