Cão que teve o focinho arrancado no Egito ganha vida nova no Texas


Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O cão egípcio deixado horrivelmente desfigurado por um ato terrível de crueldade não vai ter um novo focinho depois de iniciar a vida como um animal estimado. Como Anubis – ele recebeu este nome em homenagem ao deus egípcio que tem o rosto de um canino – tornou-se uma espécie de lenda por ter perdido o focinho.

Há relatos de que ele teve o nariz cortado porque ele latiu demais e foi atacado por assaltantes armados com uma faca durante uma operação para mantê-lo quieto. Seja qual for a razão, Anubis tornou-se um dos cães mais famosos do mundo depois de ter deixado para trás a vida nas ruas do Egito para se tornar um animal de família e muito amado.

Sua chegada na casa de Katria Declete e Joseph Reed, em El Paso, Texas (EUA), foi recebida recentemente com uma fanfarra mundial nas redes sociais. Agora, enquanto ele se instala com a sua nova família, Anubis tem sua própria página no Facebook onde os tutores informam os fãs sobre as suas aventuras.

Em uma postagem recente, as sugestões de que Anubis pode obter um novo visual foram dispensadas com um vídeo e mensagem que lhe mostra feliz ao se alimentar em sua tigela. “Provavelmente a coisa mais comum que me perguntam é: ‘Como é que Anubis come?'”, diz seu tutor no Facebook. “Eu poderia tentar explicar isso, mas eu pensei que um vídeo seria melhor. Os cães são extremamente adaptáveis e cães deficientes não são diferentes.

“Outra questão que vemos comumente colocada: ‘Que tal uma prótese de focinho?’

“Depois de conferir com o nosso veterinário, que o examinou mais completamente sob anestesia, ambos concordamos: se não está quebrado, não conserte. Ele respira e come muito bem. Nós não queremos colocar mais estresse indevido sobre ele. Talvez, no futuro, nós poderemos reconsiderar, teremos que esperar e ver.”

Os novos tutores de Anubis estavam entre os primeiros a oferecer-lhe um novo começo, quando a sua história e fotografias emergiram. O casal foi ajudado pelo Resgate e Reabilitação de Animais com Necessidades Especiais no financiamento de sua longa jornada do Egito para os Estados Unidos.

“Ele é tão jovem, e tem um grande espírito”, disse Declate. “Eu quero fazer a diferença na sua vida.”

Falando sobre como Anubis foi deixado desfigurado, Reed disse: “De uma forma ou de outra eu ouvi diversas variações: uma delas dizia que ele latia muito e então seus tutores cortaram o seu focinho para limitar isso. Eu também li uma outra história: foi alguém tentando invadir a casa e que cortou seu focinho fora.”

*É permitida a reprodução total ou parcial desta matéria desde que citada a fonte ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais com o link. Assim você valoriza o trabalho da equipe ANDA formada por jornalistas e profissionais de diversas áreas engajados na causa animal e contribui para um mundo melhor e mais justo.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

PROTEÇÃO ANIMAL

INVESTIGAÇÃO

FLÓRIDA

JAPÃO

AVANÇO

COMPORTAMENTO

'SAVE RALPH'

ÍNDIA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>