Holanda reconhece crueldade na morte de animais para consumo


Redação ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais

6498357053_f880ff6b4c_z

O Secretário de Estado da Economia da Holanda criou regras mais severas relativas à morte ritual de animais, feitas na quarta-feira em conjunto com organizações judaicas e islâmicas, segundo informado pela ANP. As informações são do JP Updates.

A mudança mais importante anunciada por Martijn van Dam do Partido Trabalhista é que a carne de animais mortos ritualmente deve ser oriunda do mercado holandês. Esta é uma ruptura com a tradição normal pois, atualmente, a carne é importada. Além disso, a morte ritual será monitorada pelo Dutch Food and Consumer Product Safety Authority.

“Animais não devem estar conscientes após 40 segundos após sua garganta ser cortada, e a morte ritual só deve ser permitida em matadouros registrados”, diz a ANP.

Nota da redação: Não importa como seja realizada a morte dos animais para consumo humano – elas infringem o direito à vida desses seres. A notícia faz refletir sobre o que acontece hoje, assumindo que os animais continuam conscientes por muito tempo após terem as gargantas cortadas, o que dá uma dimensão do sofrimento enfrentado por eles para meramente agradar ao paladar dos que os consomem.

*É permitida a reprodução total ou parcial desta matéria desde que citada a fonte ANDA – Agência de Notícias de Direitos Animais com o link. Assim você valoriza o trabalho da equipe ANDA formada por jornalistas e profissionais de diversas áreas engajados na causa animal e contribui para um mundo melhor e mais justo.


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

SOFRIMENTO

DIFICULDADES FINANCEIRAS

BELO HORIZONTE (MG)

COVARDIA

CRUELDADE

PROTEÇÃO ANIMAL

ALERTA

VITÓRIA

INVESTIGAÇÃO

FLÓRIDA


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>