Experimente creme funcional com biomassa de banana verde


Foto: Arquivo Pessoal.
Foto: Arquivo Pessoal.

A nossa seção culinária vegetariana de hoje é com a nutricionista Kelly Cristina Comelli, que nos conta como foi seu processo de adoção da dieta vegetariana e do modo de vida vegano, e sua dica de receita será um Creme Funcional de Tâmaras com Cacau, versátil e fácil de fazer, que pode ser usado como cobertura para pães e recheio para bolos, ou simplesmente apreciado puro.

Ao lembrar do processo de mudança de hábito e de costumes, Comelli volta aos tempos da faculdade:
“Lembro-me da minha agora comadre Arícia, e na época colega de faculdade, me falando uma vez, que tinha parado de comer carne, e de eu lhe aconselhando, dizendo que ela estava maluca, e que carne era necessário para a nossa sobrevivência. Apesar de ter visitado frigoríficos, como parte das visitas de campo, e não ter conseguido acompanhar a parte do abate, incrivelmente ainda não havia conseguido entender a desconexão que havia entre minha razão e meu coração.”

Há quinze anos Comelli conheceu seu esposo, que na época era protovegetariano já fazia cinco anos. Esse contato lhe abriu os olhos, ampliando sua consciência e compreensão da relação dos humanos com os animais não humanos e com o meio ambiente.

“Cheguei em casa, pesquisei sobre vegetarianismo na internet e pronto, de um dia para o outro parei de consumir carne. Assim foi até há uns 6 anos, quando meu esposo decidiu voltar a comer carne e segui seus passos. Enrolava para comer um pedacinho de carne, porque era quase impossível deglutir tudo aquilo que vem acompanhado com ela, até ver uma cena de meu esposo roendo um enorme osso de gado, em um típico almoço de domingo, e sua família feliz com sua atitude. Como sou Espírita, era como seu eu estivesse vendo uma cena do umbral, e pensei: ‘o homem evoluiu milênios, para continuar igual à um troglodita? Acho que não.’ Parei de comer carne novamente e felizmente meu esposo me acompanhou desta vez.”, relata a nutricionista.

Hoje o casal é adepto do modo de vida vegano, contribuem com organizações que cuidam de humanos e dos animais não humanos. Comelli diz que também dá palestras em Centros Espíritas sobre a visão espiritual em relação ao abate e o sofrimento imposto aos animais, ministra aulas de culinária sem ingredientes de origem animal para a comunidade adventista da cidade onde mora.

E destaca que, “recentemente comecei a administrar uma página no Facebook chamada Vivendo Vegan em Rio do Sul, possibilitando o compartilhamento das vivências veganas em nossa cidade e, juntamente com o educador físico Reinaldo Constantino, também vegano, estamos organizando encontros veganos, o qual chamamos de “Os comedores de alface”, com o intuito de nos reunir, se divertir e trocarmos receitas vegetarianas.”

Creme funcional de tâmaras com cacau

Foto: Arquivo Pessoal.
Foto: Arquivo Pessoal.

Ingredientes:

– 70 g de biomassa de banana verde (equivalente à 3 unidades de bananas verdes)
– 105 g de tâmaras (15 unidades)
– 4 g de cacau (1 colher de chá de cacau)
– 150ml de água quente (3/4 xícara de chá)
– 85 g de nozes picadas (3/4 xícara de chá)

Modo de preparo:

Coloque a água quente, a biomassa, as tâmaras, e o cacau no liquidificador e bata até ficar um creme homogêneo. Retire, adicione as nozes e mexa novamente para incorporar as nozes ao creme. Espere esfriar e estará pronta para servir.

Dica: se as tâmaras forem compradas desidratadas, deve-se deixa-las de molho em água por 4 horas, descartar a água e então utilizá-las na receita.

– Armazenada em geladeira, pode ser consumida em 7 dias.

Biomassa de banana verde

Ingrediente:

– Bananas verdes

Modo de preparo:

Retire as bananas do cacho, mantendo seus cabinhos. Em uma panela de pressão, coloque água o suficiente para tampar as bananas, dependendo do volume de sua panela, e deixe ferver. Adicione as bananas e tampe. Quando pegar pressão, deixe por 15 minutos e desligue o fogo. Deixe o vapor sair naturalmente. Para trabalhar com essas bananas agora cozidas, deve-se sempre deixa-las quentes, então, vá retirando da panela 3-4 unidades por vez e vá repetindo o seguinte processo: pique as bananas com ou sem a casca, e coloque no liquidificador e bata até homogeneizar. Retire do liquidificador, com cuidado para não se queimar. Nesse momento, você já pode usar essa biomassa em receitas, ou então, fazer bolinhas no tamanho desejado, dispor em uma forma e congelar. Após, retire da forma as bolinhas congeladas e armazene em um recipiente adequado no congelador. Para utilizá-las após terem sido congeladas, é só aquecê-las em banho-maria ou então deixa-las descongelando em temperatura ambiente.

Propriedades nutricionais: Esta receita, por conter amido resistente, auxilia na função intestinal e no controle do açúcar e da gordura sanguínea, e ainda apresenta substâncias antioxidantes e anti-inflamatórias, ajudando o corpo na desintoxicação e prevenindo contra diversas doenças.

Você também pode participar

A ANDA começa uma fase com novas seções em seu portal. Uma delas é essa aqui, com receitas vegetarianas envidas por convidados que estão de alguma forma engajados na causa animal ou são simpatizantes. Essas pessoas estarão também contando por que optaram pelo veganismo e como se sentem hoje com uma alimentação sem sofrimento animal. E os leitores da ANDA também poderão participar enviando suas receitas vegetarianas com boas fotos, nome completo, cidade, profissão e contando como foi a trajetória para o vegetarianismo ou veganismo por meio do faleconosco@anda.jor.br

Nota da Redação: Como a seção é sobre culinária e a dieta da pessoa vegana é o vegetarianismo, se utilizará sempre os termos: “culinária vegetariana”, “dieta vegetariana” e “receitas vegetarianas”, no sentido de não conter nada de origem animal (ovos, mel, leites e derivados, todos os tipos de carnes, cochonilha, gelatina, etc.).


Gratidão por estar conosco! Você acabou de ler uma matéria em defesa dos animais. São matérias como esta que formam consciência e novas atitudes. O jornalismo profissional e comprometido da ANDA é livre, autônomo, independente, gratuito e acessível a todos. Mas precisamos da contribuição, dos nossos leitores para dar continuidade a este imenso trabalho pelos animais e pelo planeta. DOE AGORA.

Você viu?

CONSCIENTIZAÇÃO

SOLIDARIEDADE

NOVOS LARES

RIO CLARO (SP)

EXTINÇÃO


LEIA EM PRIMEIRA MÃO AS NOTÍCIAS MAIS ANIMAIS DO MUNDO

>